Busca avançada
Ano de início
Entree

INCT 2014: Centro de Química Medicinal de Acesso Aberto

Processo: 14/50897-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de julho de 2017 - 30 de junho de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biologia Geral
Convênio/Acordo: CNPq - INCTs
Pesquisador responsável:Paulo Arruda
Beneficiário:Paulo Arruda
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesquisadores principais:Andrei Leitão ; Carlos Henrique Tomich de Paula da Silva ; Cleslei Fernando Zanelli ; João Renato Carvalho Muniz ; Jonathan Mark Elkins ; Katlin Brauer Massirer ; Opher Gileadi ; Rafael Lemos Miguez Couñago
Auxílios(s) vinculado(s):18/22363-1 - Compostos macrocíclicos como estratégia para sondas químicas para inibição de quinases, AP.R SPRINT
Bolsa(s) vinculada(s):20/16525-9 - Centro de química medicinal de acesso aberto, BP.TT
19/11320-2 - Investigação celular de proteínas quinases envolvidas com splicing, por sistema de minigene, BP.IC
19/11884-3 - Determinação de mRNAs-alvo e da função celular da proteína de ligação a RNA Bicaudal C 1 (BICC1), BP.IC
+ mais bolsas vinculadas 19/14275-8 - Análise estrutural das proteínas quinases PRPF4 and DYRK1B pertencentes à família CMGC e identificação de pequenos compostos inibidores, BP.PD
18/16672-1 - Determinação estrutural e busca por inibidores da enzima desoxi-hipusina sintase de organismos eucarióticos causadores de doenças negligenciadas, BP.DR
18/06442-9 - Descoberta de novas quinases associadas à resposta ao estresse hídrico em milho, BP.PD
17/19609-6 - Descoberta de novas quinases associadas à resposta ao estresse hídrico em milho, BP.PD
17/17575-7 - Estrutura computacional, caderno de anotações eletrônico e construção da base de dados, BP.TT - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Química médica  Medicina  Agricultura  Acesso livre 

Resumo

Muitas das descobertas da área em rápida expansão da genômica não são efetivamente utilizadas na medicina, agricultura e indústria. Isto acontece em parte por causa da falta de cooperação entre cientistas de disciplinas diferentes e também pelo fato de muito da pesquisa translacional feita na indústria e academia ser protegida por patentes e, portanto, não publicada no tempo oportuno. Nossa proposta INCT procura atacar estes problemas de duas formas. A primeira através da criação de uma rede altamente integrada de pesquisadores de diferentes disciplinas (genética, bioquímica, química medicinal, biologia celular e do desenvolvimento) e a segunda através do comprometimento com a pesquisa de livre acesso: todos os dados e reagentes gerados serão de livre acesso a qualquer pesquisador, dentro ou fora de nossa proposta, sem nenhuma restrição. Nossa proposta INCT visa explorar o potencial de genes relevantes medicamente focando nas proteínas codificadas por estes genes e desenvolvendo um pacote de ferramentas que permitirão a pesquisa nessas proteínas. Esse pacote de ferramentas incluirá clones de expressão gênica, protocolos de purificação de proteínas, anticorpos, estruturas cristalográficas e inibidores químicos. Esses conjuntos de reagentes (ou pacotes) irão permitir com que a comunidade cientifica expanda muito sua capacidade. A fim de garantir que os cientistas locais se beneficiem dessas ferramentas, nosso INCT apresenta o compromisso de disponibilizá-Ias livremente a todos cientistas interessados. Nosso projeto está focado na facilitação da pesquisa em proteínas pois proteínas específicas frequentemente representam o "elo perdido" entre a genética e estudos funcionais/médicos. O estudo detalhado das proteínas codificadas por um gene selvagem e o correspondente mutado em doenças ou proteínas-alvo em doenças parasitárias, são frequentemente pouco estudadas. Nosso INCT será formado em torno de um laboratório central na UNICAMP, em colaboração com o Consórcio de Genômica Estrutural (Structural Genomics Consortium - SGC; www.thesgc.org) e seus laboratórios nas universidades de Oxford e Toronto. Os grupos colaboradores componentes da rede do INCT irão escolher uma lista de genes alvo relacionados a sua pesquisa, conjuntamente com indicações de grupos colaboradores da parte de genética médica. Nosso laboratório central irá clonar, purificar, cristalizar e determinar as estruturas atômicas das proteínas codificadas. Nossos grupos componentes irão colaborar no desenvolvimento de ensaios funcionais para cada uma das proteínas de interesse (por exemplo: ensaios de atividade enzimática, interação com ligantes e/ou outras proteínas), buscando o entendimento da função destas proteínas alvo. Além disto, nosso laboratório central irá otimizar e realizar ensaios de rastreamento de pequenas moléculas para encontrar moléculas de ponto de partida para desenvolvimento de inibidores. Os laboratórios colaboradores irão usar o conhecimento e reagentes gerados pelos estudos proteicos para formular e testar hipóteses no contexto celular e fisiológico relevante. O objetivo chave de nosso INCT será a geração de 15 kit facilitadores de descoberta (ou do inglês Target Enabling Packages - TEPs), os quais consistem de: clones; métodos para purificação e cristalização de proteínas; ensaios de atividade; pequenas moléculas ponto de partida para desenvolvimento de sondas químicas e novas drogas; além de um conjunto de informação tais como: proteômica, impacto das mutações na função da proteína e fisiologia da proteína alvo. Os TEPs serão utilizados imediatamente pelos grupos do INCT para desenvolvimento seguinte de moléculas ainda mais potentes e ensaios celulares ainda mais complexos. Entretanto, um ponto chave de nossa proposta é o acesso irrestrito aos dados: uma vez que o kit estiver montado, ele será publicado no website de nosso INCT e em revistas científicas, com um mecanismo de distribuição de clones e reagentes sem restrição de uso. Adicionalmente aos projetos dos grupos envolvidos neste INCT, nós iremos criar um mecanismo de nomeação aberto de alvos para desenvolvimento de TEPs, de forma que qualquer laboratório do Brasil possa sugerir novos genes. Estas sugestões serão avaliadas e prioritarizadas pelo grupo gestor do INCT, que usará critérios que permitam exploração mesmo de alvos mais especulativos. Os laboratórios que nomearem genes poderão usar o expertise e infraestrutura criada por nosso INCT para gerar proteínas, estrutura inicial e ensaios funcionais. Após experimentos exploratórios iniciais, cada projeto será avaliado e, quando apropriado, desenvolvido e um projeto completo. Todos laboratórios que quiserem nomear genes terão que concordar com a liberação de dados e reagentes no final da execução do projeto. Uma das inovações de nossa proposta consiste na transposição do conhecimento adquirido no desenvolvimento de TEP da biomedicina para a agricultura. Alvos chaves em plantas, majoritariamente proteínas da classe das quinases, potencialmente relacionadas com a resposta a stress abiótico, irão entrar no nosso pipeline. As ferramentas desenvolvidas para estas proteínas serão usadas para responder questões relacionadas a resposta da planta a stress abiótico. Estas ferramentas serão disponibilizadas para a comunidade que estuda plantas sem nenhuma restrição. Em resumo, nosso INCT propõe criar uma rede coordenada de grupos em colaboração com o consórcio internacional altamente bem-sucedido e estabelecido Structural Genomics Consortium para promover o uso das descobertas genéticas no desenvolvimento da Medicina, da agricultura e da indústria. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral 
Treinamento técnico em clonagem e biologia celular na Unicamp 
Descubren una proteína implicada en la resistencia a la sequía del maíz 
Descoberta proteína envolvida na resistência do milho à seca 
Científicos se integran a una fuerza de tareas para combatir el coronavirus 
Pesquisadores se unem em força-tarefa para combate ao coronavírus 
Treinamento técnico em bioquímica na Unicamp 
Pós-doutorado em Química medicinal sintética com bolsa da FAPESP 
Pós-doutorado em cristalografia de proteínas com bolsa da FAPESP 
Una sonda química permite regular una vía de señalización esencial en las células 
Mais do que ensino e pesquisa, universidades podem gerar emprego e inovação 
Sonda química permite regular via de sinalização essencial nas células  
Primeira Unidade Embrapii especializada em fármacos é inaugurada na Unicamp 
Três vagas de pós-doutorado em Bioquímica de Proteínas com Bolsa da FAPESP 
Matéria(s) publicada(s) no Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o auxílio:
Primeira Unidade Embrapii especializada em fármacos é inaugurada na Unicamp 
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (72 total):
Mais itensMenos itens
UOL: Novas moléculas têm potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
O Estado (CE) online: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Revista Valor Especial: As conquistas da pesquisa brasileira (01/Nov/2020)
Valor Econômico: Avanços da genômica aumentam a precisão dos diagnósticos (27/Set/2019)
Valor Econômico online: Avanços da genômica aumentam a precisão dos diagnósticos (27/Set/2019)
MSN: Encontradas 2 moléculas que podem tratar tipo agressivo de câncer cerebral (21/Fev/2021)
Poder360: Encontradas 2 moléculas que podem tratar tipo agressivo de câncer cerebral (21/Fev/2021)
Poliarquia: Encontradas 2 moléculas que podem tratar tipo agressivo de câncer cerebral (21/Fev/2021)
Diário GM: Encontradas 2 moléculas que podem tratar tipo agressivo de câncer cerebral (21/Fev/2021)
Desentupidora Campinas: Cientistas descobrem moléculas que desaceleram o câncer cerebral (21/Fev/2021)
A Cidade On (São Carlos, SP): Cientistas descobrem moléculas que desaceleram o câncer cerebral (20/Fev/2021)
Beto Ribeiro Repórter: Cientistas descobrem moléculas que desaceleram o desenvolvimento de câncer cerebral (19/Fev/2021)
NewsLab online: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (17/Fev/2021)
Metropóles: Cientistas acham moléculas promissoras contra tumor cerebral agressivo (17/Fev/2021)
Panorama Farmacêutico: Cientistas acham moléculas promissoras contra tumor cerebral agressivo (17/Fev/2021)
Notícias do Dia: Cientistas acham moléculas contra tumor cerebral agressivo (17/Fev/2021)
Os Cabeças da Notícia: Cientistas acham moléculas promissoras contra tumor cerebral agressivo (17/Fev/2021)
Diário da Saúde: Duas substâncias promissoras contra tipo agressivo de câncer cerebral (16/Fev/2021)
LabNetwork: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (16/Fev/2021)
AVOL - Antônio Viana Online: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (16/Fev/2021)
Biblioteca FMUSP: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar o glioblastoma (16/Fev/2021)
Saense: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (16/Fev/2021)
ICTQ - Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade: Cientistas descobrem moléculas promissoras contra tumor cerebral agressivo (16/Fev/2021)
Modais em Foco: Um pouquinho de tudo (16/Fev/2021)
Meio Norte online (Piauí): Moléculas com potencial para tratar câncer cerebral são encontradas (15/Fev/2021)
Jornal da Unicamp online: Cientistas descobrem moléculas que desaceleram o desenvolvimento de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Casa de Notícias: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Jornal da Ciência online: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Voz da Bahia: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Camocim Imparcial: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Blog Jornal da Mulher: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebr (15/Fev/2021)
Jacobina News: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Cabresto: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Bahia.ba: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Alagoas Brasil Notícias: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Leiamais.ba: Encontradas 2 moléculas que podem tratar câncer cerebral (15/Fev/2021)
Portal da Enfermagem: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Programa InfoSalud (Argentina): Encontraron dos moléculas con potencial para tratar tipo agresivo de cáncer cerebral (15/Fev/2021)
Augusto Urgente - Jaco & Bina: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Time 24 News (EUA): New molecules have potential to treat aggressive type of brain cancer (15/Fev/2021)
Brasil Amazônia Agora: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Gazeta de Alagoas online: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
Baiano News: Pesquisa descobre moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)
MSN: Moléculas com potencial para tratar câncer cerebral agressivo são encontradas (13/Fev/2021)
Plantão News (MT): Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (13/Fev/2021)
Poder360: Moléculas com potencial para tratar câncer cerebral agressivo são encontradas (13/Fev/2021)
Jornal A Semana: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (13/Fev/2021)
Portal Comunica AM!: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (13/Fev/2021)
Portal do Agronegócio: Descoberta proteína da resposta hídrica do milho (16/Jul/2020)
Espaço Ecológico no Ar: Descoberta proteína que controla os mecanismos de desenvolvimento do milho (11/Jul/2020)
Jornal Integração: Descoberta proteína da resposta hídrica do milho (11/Jul/2020)
Mato Grosso Digital: Descoberta proteína da resposta hídrica do milho (11/Jul/2020)
Agrolink: Descoberta proteína da resposta hídrica do milho (10/Jul/2020)
Sucesso no Campo: Descoberta proteína da resposta hídrica do milho (10/Jul/2020)
Mundo Agropecuario (Venezuela): Proteína involucrada en la respuesta al estrés hídrico del maíz descubierta (10/Jul/2020)
Phys.Org (Reino Unido): Protein involved in corn’s water stress response discovered (08/Jul/2020)
Bioengineer (Reino Unido): Protein involved in corn’s water stress response discovered (08/Jul/2020)
Science Codex: Protein involved in corn's water stress response discovered (08/Jul/2020)
Scienmag Science Magazine (Reino Unido): Protein involved in corn’s water stress response discovered (08/Jul/2020)
7thSpace: Protein involved in corn's water stress response discovered (08/Jul/2020)
SeedQuest: Protein involved in corn's water stress response discovered - The protein could help develop drought-resistant plant varieties and products that reduce losses related to climate change. (08/Jul/2020)
Burada Biliyorum (Turquia): Protein involved in corn’s water stress response discovered (08/Jul/2020)
Agron: Proteína envolvida na resistência do milho à seca (28/Mai/2020)
Agrosoft: DESCOBERTA PROTEÍNA ENVOLVIDA NA RESISTÊNCIA DO MILHO À SECA (24/Mai/2020)
Saber Atualizado: Descoberta proteína envolvida na resistência do milho à seca (20/Mai/2020)
Plantão News (MT): Descoberta proteína envolvida na resistência do milho à seca (19/Mai/2020)
Espaço Ecológico no Ar: Descoberta nova proteína envolvida na resistência do milho à seca (19/Mai/2020)
Revista Cultivar Máquinas online: Descoberta proteína envolvida na resistência do milho à seca (18/Mai/2020)
LabNetwork: Descoberta proteína envolvida na resistência do milho à seca (18/Mai/2020)
Mundo e Meio: Descoberta proteína envolvida na resistência do milho à seca (18/Mai/2020)
Mindzilla (Reino Unido): Chemical Probe can Regulate Signalling Pathway and Block Cell Invasion by Arboviruses (18/Mar/2019)
Michel Teixeira: Encontradas duas moléculas com potencial para tratar tipo agressivo de câncer cerebral (15/Fev/2021)

Publicações científicas (10)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALVES, FERNANDO RODRIGUES DE SA; COUNAGO, RAFAEL M.; LAUFER, STEFAN. Chemical Space Exploration of Oxetanes. INTERNATIONAL JOURNAL OF MOLECULAR SCIENCES, v. 21, n. 21 NOV 2020. Citações Web of Science: 0.
SILVA, SUELEN FERNANDES; KLIPPEL, ANGELICA HOLLUNDER; RAMOS, PRISCILA ZONZINI; SANTIAGO, ANDREE DA SILVA; VALENTINI, SANDRO ROBERTO; BENGTSON, MARIO HENRIQUE; MASSIRER, KATLIN BRAUER; BILSLAND, ELIZABETH; COUNAGO, RAFAEL MIGUEZ; ZANELLI, CLESLEI FERNANDO. Structural features and development of an assay platform of the parasite target deoxyhypusine synthase of Brugia malayi and Leishmania major. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 14, n. 10 OCT 2020. Citações Web of Science: 1.
DA SILVA, VIVIAM M.; CABRAL, ALINE D.; SPERANCA, MARCIA A.; SQUINA, FABIO M.; MUNIZ, JOAO RENATO C.; MARTIN, LYDIE; NICOLET, YVAIN; GARCIA, WANIUS. High-resolution structure of a modular hyperthermostable endo-beta-1,4-mannanase from Thermotoga petrophila: The ancillary immunoglobulin-like module is a thermostabilizing domain. BIOCHIMICA ET BIOPHYSICA ACTA-PROTEINS AND PROTEOMICS, v. 1868, n. 8 AUG 2020. Citações Web of Science: 0.
BARRETO, PEDRO; COUNAGO, RAFAEL M.; ARRUDA, PAULO. Mitochondrial uncoupling protein-dependent signaling in plant bioenergetics and stress response. MITOCHONDRION, v. 53, p. 109-120, JUL 2020. Citações Web of Science: 0.
WELLS, CARROW I.; VASTA, JAMES D.; CORONA, CESEAR R.; WILKINSON, JENNIFER; ZIMPRICH, CHAD A.; INGOLD, MORGAN R.; PICKETT, JULIE E.; DREWRY, DAVID H.; PUGH, KATHRYN M.; SCHWINN, MARIE K.; HWANG, BYOUNGHOON (BRIAN); ZEGZOUTI, HICHAM; HUBER, KILIAN V. M.; CONG, MEI; MEISENHEIMER, PONCHO L.; WILLSON, TIMOTHY M.; ROBERS, MATTHEW B. Quantifying CDK inhibitor selectivity in live cells. NATURE COMMUNICATIONS, v. 11, n. 1 JUN 2 2020. Citações Web of Science: 0.
AQUINO, BRUNO; DA SILVA, VIVIANE C. H.; MASSIRER, KATLIN B.; ARRUDA, PAULO. Crystal structure of DRIK1, a stress-responsive receptor-like pseudokinase, reveals the molecular basis for the absence of ATP binding. BMC PLANT BIOLOGY, v. 20, n. 1 APR 15 2020. Citações Web of Science: 0.
SCOTT, FIONA; FALA, ANGELA M.; PENNICOTT, LEWIS E.; REUILLON, TRISTAN D.; MASSIRER, KATLIN B.; ELKINS, JONATHAN M.; WARD, SIMON E. Development of 2-(4-pyridyl)-benzimidazoles as PKN2 chemical tools to probe cancer. Bioorganic & Medicinal Chemistry Letters, v. 30, n. 8 APR 15 2020. Citações Web of Science: 0.
WELLS, CARROW; COUNAGO, RAFAEL M.; LIMAS, JUANITA C.; ALMEIDA, TUANNY L.; COOK, JEANETTE GOWEN; DREWRY, DAVID H.; ELKINS, JONATHAN M.; GILEADI, OPHER; KAPADIA, NIRAV R.; LORENTE-MACIAS, ALVARO; PICKETT, JULIE E.; RIEMEN, ALEXANDER; RUELA-DE-SOUSA, ROBERTA R.; WILLSON, TIMOTHY M.; ZHANG, CUNYU; ZUERCHER, WILLIAM J.; ZUTSHI, REENA; AXTMAN, ALISON D. SGC-AAK1-1: A Chemical Probe Targeting AAK1 and BMP2K. ACS Medicinal Chemistry Letters, v. 11, n. 3, p. 340-345, MAR 12 2020. Citações Web of Science: 0.
O'BYRNE, SEAN N.; SCOTT, JOHN W.; PILOTTE, JOSEPH R.; SANTIAGO, ANDRE DA S.; LANGENDORF, CHRISTOPHER G.; OAKHILL, JONATHAN S.; EDUFUL, BENJAMIN J.; COUNAGO, RAFAEL M.; WELLS, CARROW I.; ZUERCHER, WILLIAM J.; WILLSON, TIMOTHY M.; DREWRY, DAVID H. In Depth Analysis of Kinase Cross Screening Data to Identify CAMKK2 Inhibitory Scaffolds. Molecules, v. 25, n. 2 JAN 2 2020. Citações Web of Science: 1.
PROFETA, GERSON S.; DOS REIS, CAIO V.; SANTIAGO, ANDRE DA S.; GODOI, PAULO H. C.; FALA, ANGELA M.; WELLS, CARROW I.; SARTORI, ROGER; SALMAZO, ANITA P. T.; RAMOS, PRISCILA Z.; MASSIRER, KATLIN B.; ELKINS, JONATHAN M.; DREWRY, DAVID H.; GILEADI, OPHER; COUNAGO, RAFAEL M. Binding and structural analyses of potent inhibitors of the human Ca2+/calmodulin dependent protein kinase kinase 2 (CAMKK2) identified from a collection of commercially-available kinase inhibitors. SCIENTIFIC REPORTS, v. 9, NOV 11 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.