Busca avançada
Ano de início
Entree

Laserterapia e terapia celular em ratas induzidas à síndrome do ovário policístico

Processo: 16/02811-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2017 - 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Luis Henrique Montrezor
Beneficiário:Luis Henrique Montrezor
Instituição-sede: Universidade de Araraquara (UNIARA). Associação São Bento de Ensino. Araraquara , SP, Brasil
Pesq. associados:Nivaldo Antonio Parizotto
Assunto(s):Biotecnologia  Terapia a laser  Síndrome do ovário policístico  Cultura de células  Células-tronco mesenquimais  Terapia baseada em transplante de células e tecidos  Osteoblastos  Regeneração óssea 

Resumo

A dinâmica óssea depende de inúmeras interações entre componentes neurais, endócrinos, parácrinos e autócrinos. As atividades de osteoblastos, osteoclastos e osteócitos são moduladas por fatores intra e extra-ósseos. Destacam-se entre os fatores extra-ósseos, hormônios esteroides ovarianos e adipocinas sintetizadas e liberadas pelo tecido adiposo. Ainda não estão totalmente compreendidos os efeitos dos progestágenos, andrógenos, estrógenos e da leptina sobre a dinâmica óssea nem como osteocinas, como a osteocalcina, podem modular ações em tecidos extra-ósseos, como os adipócitos. Patologias endócrino/metabólicas induzem alterações importantes do metabolismo e comprometem diversos órgãos. Alterações endócrinas ovarianas são responsáveis por mudanças nos níveis plasmáticos de esteroides ovarianos e podem promover alterações nas dinâmicas entre os tecidos ósseo e adiposo. A síndrome do ovário policístico (SOP) é um exemplo de endocrinopatia metabólica que acomete milhares de mulheres ao redor do mundo, sendo um modelo interessante para a compreensão do crosstalk entre os referidos tecidos. Dentre as alterações observadas, a osteoporose está entre as principais. Para isso, já foram utilizadas técnicas como laser de baixa intensidade e a terapia com células tronco mesenquimais têm sido amplamente propostas, principalmente, para eventos funcionais relacionados à reparado tecidual; contudo, os mecanismos funcionais ativados e/ou inibidos por tais técnicas ainda não estão completamente esclarecidos. A proposta do presente projeto é estudar os efeitos da laserterapia e da terapia celular sobre a dinâmica óssea in vitro e in vivo num modelo de ratas induzidas à SOP. A utilização dessas terapias em modelos animais in vivo e em ensaios celulares in vitro pode desenvolver ferramentas interessantes para a compreensão dos eventos funcionais básicos e clínicos relacionando a SOP com a dinâmica óssea. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALVES, E. D.; BONFA, A. L. O.; PIGATTO, G. R.; ANSELMO-FRANCI, J. A.; ACHCAR, J. A.; PARIZOTTO, N. A.; MONTREZOR, L. H. Photobiomodulation can improve ovarian activity in polycystic ovary syndrome-induced rats. JOURNAL OF PHOTOCHEMISTRY AND PHOTOBIOLOGY B-BIOLOGY, v. 194, p. 6-13, MAY 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.