Busca avançada
Ano de início
Entree

A rede FAPESP-Keele fase 3: entendendo a relação entre dessecação e a epidemia de dengue: o papel da via FOXO no estresse hídrico, respostas imunes e competência vetorial do mosquito Aedes aegypti

Resumo

Nosso objetivo geral de longo prazo é testar o impacto potencial do estresse hídrico na resposta imune do mosquito a patógenos e sua microbiota intestinal. Para isso, vamos combinar manipulações experimentais de estresse hídrico com infecções com o vírus da dengue (DENV) no mosquito Aedes aegypti. O estresse do mosquito, a resposta imune e as alterações na sua microbiota intestinal serão então descritas através de transcriptômica e microbiômica. Finalmente, usaremos uma abordagem funcional silenciando os componentes da via FOXO e avaliando como isso afeta a resposta imune do mosquito a patógenos e sua microbiota intestinal. Dois estudantes do Prof. Tripet do Programa de Parasitologia Molecular e Biologia de Vetores (Keele University) já se encontram no IBTEC sob a co-supervisão do Prof. Souza-Neto, realizando ensaios funcionais com RNAi envolvendo a via FOXO. A visita do Prof. Tripet tem como principal objetivo a padronização dos ensaios de estresse hídrico no IBTEC. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)