Busca avançada
Ano de início
Entree

Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web

Processo: 17/50050-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de agosto de 2017 - 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Simon Tov Bahbouth
Beneficiário:Simon Tov Bahbouth
Empresa:Radeco Consultoria Empresarial Ltda
Município: São Paulo
Vinculado ao auxílio:14/50388-8 - Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web, AP.PIPE
Bolsa(s) vinculada(s):18/09225-9 - Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web, BP.TT
18/05374-0 - Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web, BP.TT
18/00354-0 - Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web, BP.TT
17/17156-4 - Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web, BP.TT
17/16344-1 - Concepção, desenvolvimento e lançamento comercial do sistema provador virtual de vestuário para ambiente web, BP.PIPE
Assunto(s):Desenvolvimento de software  Computação gráfica  Redes e comunicação de dados  Comércio eletrônico  Web sites  Processamento de imagens  Vestuário 

Resumo

O projeto do provador virtual para vestuário propõe a criação de uma inovadora tecnologia para simular virtualmente a experiência de provar uma roupa com maior precisão e interatividade. Utilizando um modelo antropomórfico tridimensional interativo, comumente chamado de avatar, o cliente/usuário poderá customizar as suas características físicas detalhadamente, visualizar a roupa escolhida por vários ângulos e, a partir de uma simulação física avaliar o caimento da roupa em seu corpo. Ademais, o sistema minimizará a incerteza na compra com a sugestão do tamanho de roupa realizando a aferição das medidas antropométricas do cliente a partir de fotos tiradas pelo smartphone ou com um webcam. O projeto técnico é extremamente desafiador em diversas áreas do conhecimento. No âmbito da computação gráfica, o desenvolvimento técnico possibilitou a criação de modelos tridimensionais com formas e medidas fiéis às do usuário, permitindo a ele identificar-se com seu modelo, de modo que sua percepção é similar àquela de enxergar sua imagem em um espelho. Com o intuito de assegurar ao usuário uma maior identificação com o seu modelo, o sistema também provê um opcional de integração da face do cliente no seu avatar, a partir de uma foto obtida. Ademais, permite diversas simulações físico-mecânicas da prova de uma peça do vestuário, a partir da modelagem matemática das simulações do tecido, da gravidade e da colisão. Assim, o consumidor pode verificar virtualmente o caimento da roupa em seu corpo. No tocante ao processamento das imagens, a aferição das medidas corporais é um desafio técnico, considerando que as imagens obtidas do cliente não provem de um ambiente controlado. Visando à obtenção do correto posicionamento do usuário no quadro de captura da imagem, concluímos que ele deve ser orientado em tempo real sobre o seu posicionamento e deve receber uma prévia de suas medidas diretamente na imagem exibida pelo webcam ou pela câmera do dispositivo móvel. O desenvolvimento desta parte do sistema abrange a formulação matemática dos algoritmos da simulação, sua codificação em diversos ambientes de programação e a integração de todas as partes. A questão concernente à integração e à comunicação das diversas partes é um tema de relevante complexidade técnica tendo em vista que o plug-in deve prover um alto desempenho. A fase II do projeto PIPE tem por escopo o lançamento comercial e a expansão do sistema Provador Virtual de vestuário, objetivando viabilizar a compra de roupas para os 2 bilhões de internautas no mundo. O produto concebido resolverá o problema de compras de roupas e de acessórios pela internet e promoverá um diferencial competitivo para a indústria nacional de vestuário, tornando viável o presente empreendimento. Com o auxílio dos recursos fornecidos durante a fase I do PIPE e com a dedicação de uma equipe competente, que trabalha arduamente, desenvolvemos um protótipo funcional que comprovou a factibilidade técnica do produto. Nessa nova fase, o produto será finalizado e sua factibilidade comercial será demonstrada, confirmando-se que as metas de faturamento constantes do plano de comercialização são atingíveis. (AU)