Busca avançada
Ano de início
Entree

Polipropileno reciclado para contato com alimento: emprego de filmes de a-C:H depositados por plasma e degradação na presença de contaminantes

Processo: 16/25703-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2017 - 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Sandra Andrea Cruz
Beneficiário:Sandra Andrea Cruz
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/24316-8 - Estudo da degradação de polipropileno clarificado na presença de contaminantes e filmes de a-C:H: emprego da técnica de reometria de placas paralelas e análises térmicas, BP.TT
Assunto(s):Deposição de filmes finos  Filmes finos de carbono tipo diamante (DLC)  Polipropilenos  Deposição química em fase de vapor assistida por plasma (PECVD)  Deposição química por vapor CVD  Calorimetria  Degradação de contaminantes 

Resumo

Neste projeto, em uma etapa inicial o polipropileno clarificado será previamente contaminado, seguindo o modelo de contaminação estipulado pela FDA, sendo em seguida recuperado e reprocessado via extrusão. Posteriormente a esta etapa, pretende-se avaliar o uso de diferentes estruturas químicas de filmes de a-C:H (diamond like carbon e polymer like carbon) como barreiras funcionais, as quais serão depositadas na superfície do polímero contaminado pelo sistema de Plasma Enhanced Chemical Vapor Deposition (PECVD). As estruturas dos filmes serão avaliadas quimicamente por IRRAS e Raman. Antes do processo de deposição, as amostras serão previamente tratadas com plasma de oxigênio e a modificação superficial avaliada por ângulo de contato e microscopia de força atômica. Será avaliada a capacidade da barreira funcional por ensaios de migração especifica utilizando-se cromatografia a gás acoplada com massa. Em uma etapa posterior, pretende-se estudar a influência da presença de contaminantes e dos filmes de a-CH na degradação do PP clarificado durante o processo de reciclagem. A degradação será avaliada pelas técnicas de calorimetria exploratória diferencial, temperatura de indução oxidativa, análise termogravimétrica, análise térmico dinâmico-mecânica e reometria de placas paralelas. (AU)