Busca avançada
Ano de início
Entree

Análises globais integrativas da próstata ventral de ratos submetidos a restrição protéica materna e suas repercussões com o envelhecimento

Processo: 17/01063-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2017 - 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Histologia
Pesquisador responsável:Luis Antonio Justulin Junior
Beneficiário:Luis Antonio Justulin Junior
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados:Guilherme Targino Valente ; Robson Francisco Carvalho
Assunto(s):Desenvolvimento fetal  Dieta com restrição de proteínas  Próstata  Análise global  Ratos 

Resumo

Nas últimas décadas tem sido observado um aumento da incidência de doenças relacionadas a alterações no metabolismo, que afetam tanto crianças como adultos. Dentre as mais prevalentes estão a obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares e até mesmo alguns tipos de câncer. Evidências epidemiológicas demonstram que doenças crônicas podem ter origem a partir de insultos sofridos ainda durante o desenvolvimento intrauterino, condição conhecida como Programação Fetal (PF). Apesar disso, os mecanismos moleculares envolvidos neste processo são pouco conhecidos. Neste contexto, o avanço de tecnologias de sequenciamento em larga escala baseadas na combinação de "omas" (transcriptoma, MicroRNoma, proteoma) utilizando ferramentas de bioinformática, tem possibilitado uma visão integrativa global de mecanismos moleculares em condições normais e patológicas. Considerando resultados do nosso grupo que demonstram o papel da restrição proteica materna em alterar o desenvolvimento e aumentar a incidência de lesões prostáticas na prole de ratos, o objetivo deste trabalho será integrar os perfis globais de metilação, expressão de microRNas (microRNoma), de expressão gênica (transcriptoma) e proteica (proteoma) da próstata de ratos que sofreram restrição protéica perinatal para identificar vias moleculares envolvidas no desenvolvimento de lesões prostáticas. Para isso, serão utilizados ratos machos da linhagem Sprague Dawley com 21 dias de idade pós-natal nascidos de mães alimentadas com ração padrão (17% de proteína) ou com ração hipoproteica (6% proteina) durante a gestação e lactação. Após este período, os animais serão eutanasiadose a próstata ventral será coletada. Serão analisados os perfis globais de metilação por ELISA (Cell Biolabs - STA380), de expressão de microRNas (microRNoma) e mRNAs (transcriptoma) por sequenciamento de última geração (HigSeq-2000 Illumina), e de proteinas (proteoma), por espectrometria de massas (LC-Ms/Ms). Após isto, será realizada uma análise integrativa e compativa destes dados entre os grupos experimentais. Estes resultados serão comparados aos dados de transcriptoma, microRNoma e do proteoma para adenocarcinoma prostático, disponíveis na literatura (Bancos de dados). Outros animais eutanalisados com 540 dias de idade. Nestes animais será investigado se os alvos diferencialmente expressos observados aos 21 dias após a restrição proteica gestacional e lactacional continuam alterados e se participam do aumento de incidência de lesões prostáticas observada aos 540 dias, conforme demonstrado anterirmente por nosso grupo. Assim, espera-se obter uma visão global dos efeitos da programação fetal por restrição proteica sobre a biologia prostática, identificar vias moleculares alteradas durante o desenvolvimento, e suas repercussões no envelhecimento. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Dieta pobre em proteína na gestação aumenta risco de câncer de próstata  

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FELISBINO, SERGIO LUIS; AZEVEDO SANCHES, BRUNO DOMINGOS; DELELLA, FLAVIA KARINA; SCARANO, WELLERSON RODRIGO; ALCANTARA DOS SANTOS, FERNANDA CRISTINA; LEITE VILAMAIOR, PATRICIA SIMONE; TABOGA, SEBASTIAO ROBERTO; JUSTULIN, LUIS ANTONIO. Prostate telocytes change their phenotype in response to castration or testosterone replacement. SCIENTIFIC REPORTS, v. 9, MAR 6 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.