Busca avançada
Ano de início
Entree

Sistema de automação residencial descentralizado utilizando redes de sensores sem fio

Processo: 07/51787-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de janeiro de 2009 - 30 de junho de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos
Pesquisador responsável:Caio Augustus Morais Bolzani
Beneficiário:Caio Augustus Morais Bolzani
Empresa:Boltech Desenvolvimento de Sistemas e Tecnologia Ltda
Município: São Paulo
Bolsa(s) vinculada(s):09/00548-0 - Desenvolvimento de firmware para o sistema de automação residencial descentralizado utilizando redes de sensores sem fio, BP.TT
09/00554-0 - Desenvolvimento de hardware para o sistema de automação residencial descentralizado utilizando redes de sensores sem fio, BP.TT
09/00546-8 - Desenvolvimento de software para o sistema de automação residencial descentralizado utilizando redes de sensores sem fio, BP.TT
07/57064-0 - Sistema de automação residencial descentralizado utilizando redes de sensores sem fio, BP.PIPE
Assunto(s):Automação predial 

Resumo

Proposta de desenvolvimento de um sistema de automação residencial descentralizado baseado em nós de controle sem fios formando uma rede do tipo mesh totalmente baseada no protocolo IEEE 802.15.4. A adoção deste protocolo de comunicação é devido às suas características nativas destinadas ao controle, operação e monitoramento remotos de equipamentos eletro-eletrônicos em ambientes residenciais. A expectativa desse projeto está em estabelecer um produto dedicado ao mercado de automação residencial com um custo relativamente baixo por nó de controle, de fácil instalação e que expanda os negócios do setor. A topologia que será testada é composta por diversos nós interligados por uma rede sem fio, onde existe a possibilidade de qualquer nó trocar mensagens com o outros nós sem a necessidade de um concentrador ou servidor. Essa característica reduz consideravelmente a possibilidade de falha total em caso de mau funcionamento de um nó. Cada nó é composto por um microprocessador, um rádio padrão IEEE 802.15.4, entradas e saídas, tanto digitais quanto analógicas, para a conexão de sensores e atuadores. Estes nós agregam sistemas em hardware, firmware e software. Um protótipo foi desenvolvido inicialmente executando tarefas básicas através da transmissão de pacotes ponto a ponto. Para que se verifique a viabilidade do projeto, deve-se continuar o processo de desenvolvimento dos nós, melhoramento aspectos tais como: o sistema de transmissão sem fio, os módulos de controle de periféricos, o programa de troca de mensagens, o protocolo de estabelecimento da rede mesh e uma interface de acesso para o usuário. Análises de mercado, estudos comerciais e de marketing devem balizar as soluções técnicas para que se tenha no final um produto economicamente viável e com boa aceitação pelos consumidores. (AU)