Busca avançada
Ano de início
Entree

Arrabidaea chica incorporado ao ácido fosfórico e ao primer de um sistema adesivo convencional ou como pré-tratamento dentinário em solução aquosa: avaliação das propriedades físicas das soluções e influência nas propriedades físico-mecânicas da dentina

Processo: 17/08082-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2017 - 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Roberta Tarkany Basting Höfling
Beneficiário:Roberta Tarkany Basting Höfling
Instituição-sede: Centro de Pesquisas Odontológicas São Leopoldo Mandic. Faculdade São Leopoldo Mandic (SLMANDIC). Sociedade Regional de Ensino e Saúde S/S Ltda (SRES). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística  Adesivos dentinários  Resistência de união (odontologia)  Inibidores de metaloproteinases de matriz  Propriedades físico-químicas  Microtração 

Resumo

O objetivo do presente estudo será avaliar: 1) a longevidade da resistência de união, modo de falha e micromorfologia da interface de um sistema adesivo convencional de três passos à dentina que receberá o pré-tratamento com extrato de Arrabidaea chica a 2,5% ou quando incorporado no ácido fosfórico ou no primer do sistema adesivo, nos tempos 24 horas e 12 meses; 2) as propriedades físico-químicas das soluções aquosa, do ácido e do primer incorporado com o extrato da Arrabidaea chica a 2,5%: pH, grau de conversão, sorção e solubilidade, distribuição de partículas, potencial zeta, polidispersibilidade e liberação do extrato incorporado no primer; 3) a estabilidade da matriz dentinária (rigidez ou stiffness) e inibição de metaloproteinases da dentina (por meio de zimografia in situ) após o pré-tratamento com solução aquosa de extrato de Arrabidaea chica a 2,5% ou quando incorporado no ácido fosfórico ou no primer do sistema adesivo. Terceiros molares hígidos serão preparados para os testes de resistência de união, modo de falha, micromorfologia da interface e análise por zimografia in situ. Espécimes (palitos) de dentina serão preparados para a avaliação da estabilidade de matriz dentinária (stiffness). Corpos de prova do sistema adesivo incorporado ou não com o extrato de Arrabidaea chica serão preparados para as análises de pH, grau de conversão, sorção e solubilidade, distribuição de partículas, potencial zeta, polidispersibilidade e liberação do extrato. De acordo com a presença de normalidade ou não de distribuição dos resultados, testes estatísticos paramétricos ou não paramétricos serão aplicados, usando nível de significância de 5%. (AU)