Busca avançada
Ano de início
Entree
Conteúdo relacionado

Caracterização de novos alvos moleculares no controle da obesidade e da inflamação induzida pela obesidade

Processo: 15/50650-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2017 - 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunoquímica
Convênio/Acordo: AUF
Pesquisador responsável:Alessandra Pontillo
Beneficiário:Alessandra Pontillo
Pesq. responsável no exterior: Marcelo Hill
Instituição no exterior: Universidad de la República (UDELAR), Uruguai
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Polimorfismo de um único nucleotídeo 

Resumo

A obesidade é caracterizada por inflamação local e sistémica crónica "estéril" em órgãos e tecidos metabolicamente relevantes. Descobertas recentes sugerem que o complexo multiproteico conhecido como inflamassoma desempenha um papel chave na regulação da inflamação do tecido durante a obesidade e síndrome metabólica, uma vez que é responsável pela secreção das citocinas inflamatórias IL-1 B e IL-18. Recentemente, Hill e outros mostraram que o canal de catião intracelular TORID é um novo e emergente reguladora chave de respostas imunes, e que especificamente inibe a ativação do inflamassoma in vitro e in vivo. Curiosamente, os camundongos TORID KO sob dieta rica em gordura apresentaram aumento de peso e resistência à insulina em comparação com os INT. Propomos, portanto, de caracterizar o papel de TORID na ativação do inflamassoma na obesidade. Para realizar este objetivo, iremos: 1) estudar o papel da Torid na inflamação induzida pela obesidade e síndrome metabólica em camundongos; 2) caracterizar os mecanismos pelos quais TORID regula a ativação inflammasome; 3) avaliar a contribuição de SNPs nos genes do inflamassoma no desenvolvimento da obesidade e distúrbios metabólicos relacionados com a obesidade em seres humanos. Esperamos demonstrar que TORID é um novo alvo para controlar a inflamação induzida pela obesidade e relevante na biologia humana. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOARES, JAINE L. S.; OLIVEIRA, ENEDINA M. L.; PONTILLO, ALESSANDRA. Variants in NLRP3 and NLRC4 inflammasome associate with susceptibility and severity of multiple sclerosis. MULTIPLE SCLEROSIS AND RELATED DISORDERS, v. 29, p. 26-34, APR 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.