Busca avançada
Ano de início
Entree

Resposta da cultura da batata a aplicação de nitrogênio e regulador de crescimento

Processo: 17/06505-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2017 - 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Adalton Mazetti Fernandes
Beneficiário:Adalton Mazetti Fernandes
Instituição-sede: Centro de Raízes e Amidos Tropicais (CERAT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados: Luan Santos de Oliveira ; Magali Leonel ; Pablo Forlan Vargas ; Rogério Peres Soratto
Assunto(s):Solanum tuberosum  Manejo e tratos culturais 

Resumo

O uso de reguladores de crescimento na cultura da batata (Solanum tuberosum L.) associado ao manejo do nitrogênio (N) pode ser uma alternativa para aumentar a produtividade de tubérculos. Objetiva-se com este trabalho avaliar o efeito da adubação nitrogenada e de doses do regulador de crescimento proexadiona cálcica sobre o crescimento, partição de fotoassimilados e produtividade da batata cultivar Ágata. Serão conduzidos dois experimentos um em casa de vegetação e outro no campo, sendo que o experimento de campo será conduzido em dois locais. No experimento em casa de vegetação o delineamento experimental será o de blocos casualizados no esquema fatorial 4x4 com quatro repetições. Os tratamentos serão representados por quatro doses do regulador de crescimento vegetal (0, 50, 100 e 200 g ha-1 do i.a.) combinadas com quatro épocas de avaliação (23 DAE, 33 DAE, 43 DAE e no final do ciclo). No experimento de campo o delineamento será o de bloco ao acaso no esquema fatorial 2x4, com quatro repetições. Os tratamentos serão representados por dois níveis de fornecimento de N (Médio = 120 kg ha-1 e Alto = 240 kg ha-1) combinados com quatro doses do regulador de crescimento vegetal (0, 50, 100 e 200 g ha-1 do i.a.). Em casa de vegetação serão avaliadas as características morfológicas, bioquímicas, produção de matéria seca (MS), partição de carboidratos e açúcares solúveis na planta, e a produtividade de tubérculos. No experimento de campo, serão avaliadas as características morfológicas, o acúmulo de MS na planta e sua partição para os tubérculos, a produtividade de tubérculos e a absorção e exportação de N pela cultura. Em ambos os experimentos os dados obtidos serão submetidos à análise de variância. As médias dos fatores qualitativos serão comparadas pelo teste Tukey a 5% de probabilidade, enquanto os efeitos das doses do regulador de crescimento serão avaliados por análise de regressão. (AU)