Busca avançada
Ano de início
Entree

Modeling the relative contribution of relapses to Plasmodium vivax infection in Brazil

Processo: 17/50292-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2017 - 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Convênio/Acordo: University of New South Wales
Proposta de Mobilidade: SPRINT - Projetos de pesquisa - Mobilidade
Pesquisador responsável:Marcelo Urbano Ferreira
Beneficiário:Marcelo Urbano Ferreira
Pesq. responsável no exterior: Miles Philip Davenport
Instituição no exterior: University of Wales, País de Gales
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Doenças endêmicas  Malária  Plasmodium vivax  Esporozoítos  Reativação de hipnozoitas  Modelos matemáticos 

Resumo

Quase 130.000 casos de malária confirmados laboratorialmente foram registrados no Brasil em 2016, 99,5% dos quais adquiridos na Região Amazônica. Plasmodium vivax é responsável por 88% da carga de malária nesse país, sendo P. falciparum a segunda espécie de plasmódio mais prevalente. Novos episódios de infecção por estágios sanguíneos de P. vivax podem ser causadas por novas inoculações de esporozoítos (infecções primárias) ou pela reativação de estágios hepáticos dormentes conhecidos como hipnozoítos (recaídas). A contribuição relativa das infecções primárias e recaídas para a carga total de infecção por P. vivax, previamente investigada em áreas de alta transmissão da Tailândia e Papua Nova Guiné, permanece desconhecida em áreas de transmissão relativamente baixa do Brasil. Objetivamos, com esta colaboração internacional, aprimorar e aplicar um modelo matemático para descrever a dinâmica de infecção por P. vivax e estimar a contribuição relativa da reativação de hipnozoítos em uma importante área endêmica de malária do Brasil. Além disso, objetivamos organizar um mini-simpósio científico em São Paulo para estabelecer as bases para futuras colaborações entre a Universidade de São Paulo (USP) e a University of New South Wales (UNSW) no campo na epidemiologia matemática da malária. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CORDER, RODRIGO M.; DE LIMA, ANTONIO C. P.; KHOURY, DAVID S.; DOCKEN, STEFFEN S.; DAVENPORT, MILES P.; FERREIRA, MARCELO U. Quantifying and preventingPlasmodium vivaxrecurrences in primaquine-untreated pregnant women: An observational and modeling study in Brazil. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 14, n. 7 JUL 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.