Busca avançada
Ano de início
Entree

MyFoodScanner: um aplicativo para consumo consciente baseado em inteligência coletiva

Processo: 16/22685-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de abril de 2018 - 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Pesquisador responsável:Reynaldo Mascagni Gatti
Beneficiário:Reynaldo Mascagni Gatti
Empresa:Andrea de Souza Stockl
Município: São Paulo
Vinculado ao auxílio:15/16028-7 - Um aplicativo móvel para consumo consciente baseado em Inteligência Coletiva, AP.PIPE
Bolsa(s) vinculada(s):18/19912-3 - Processamento de imagens para reconhecimento de rótulos, BP.TT
18/00926-4 - Prototipação de um aplicativo móvel para consumo consciente, BP.TT
Assunto(s):Sistemas colaborativos  Engenharia de software  Computação móvel  Inteligência coletiva  Aplicativos móveis  CSCW  Dieta saudável  Estilo de vida saudável 

Resumo

A alimentação afeta diretamente a saúde e bem-estar da população. Apesar de as embalagens dos alimentos apresentarem as informações sobre seus ingredientes e aditivos, o consumidor não sabe ao certo o que está adquirindo. Muitas informações circulam na mídia e nas redes sociais, muitos estudos são contraditórios, muitas reportagens e postagens são questionáveis, muitos jargões são utilizados, as classificações oficiais de alguns componentes são inconsistentes e médicos e nutricionistas recomendam atenção no consumo de várias substâncias. Aliado a isso, indivíduos têm restrições específicas por conta de restrições alimentares, doenças, alergias, convicções filosóficas, preocupações socioambientais, etc. Nesse contexto, nossa meta é desenvolver um sistema colaborativo móvel para gerar coletivamente uma base de informações agregadas, de fácil acesso, que o consumidor tenha no momento em que precisa tomar uma decisão consciente sobre o que consumir. Para desenvolver esse tipo de sistema são necessárias diversas frentes de investigação. Em particular, é necessário um entendimento em profundidade sobre quais são as demandas de informações que consumidores têm a respeito dos produtos alimentícios que consomem, como um sistema colaborativo móvel pode suprir essas informações, como promover a filtragem colaborativa das informações e como reconhecer adequadamente os produtos e seus ingredientes. Neste projeto, objetivamos conduzir pesquisa científica e tecnológica para conceber e prototipar um aplicativo móvel colaborativo para prover essas informações. Para isso, nesta Fase 2 do projeto, iremos implementar no aplicativo as funcionalidades previamente concebidas, portar o produto para outras plataformas, desenvolver um sistema para gestão do produto e da base de dados, elaborar conteúdo para alimentar o aplicativo, realizar a internacionalização do produto, minerar sites nacionais e estrangeiros para alimentar o sistema, desenvolver algoritmos para consolidar informações de produtos extraídos de múltiplas fontes, investigar o uso de técnicas de visão computacional para reconhecimento de rótulos, implementar um analisador de notícias, realizar testes de usabilidade e disponibilizar o produto para usuários finais. Como efeito do uso desse tipo de sistema, esperamos uma maior consciência sobre alimentação saudável e estilo de vida, uma redução de doenças e causalidades, uma mudança de postura das empresas fabricantes de produtos alimentícios e uma maior agilidade das agências reguladoras. Esperamos também coletar uma base de dados que pode ser explorada em pesquisas futuras. (AU)