Busca avançada
Ano de início
Entree

"avaliação do potencial cicatricial de formulações tópicas contendo terpenos em lesões cutâneas de ratos"

Processo: 17/17600-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2018 - 31 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacognosia
Pesquisador responsável:Claudia Helena Pellizzon
Beneficiário:Claudia Helena Pellizzon
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Terpenos 

Resumo

A pele é fundamental para manter a integridade do organismo, sendo uma barreira protetora diferenciada. A descontinuidade desse sistema promove o mecanismo cicatricial, processo fisiológico que pode ser didaticamente dividido em fases inflamatória, proliferativa e remodeladora. As lesões cutâneas têm grande importância na saúde pública devido à possibilidade de algum tipo de deficiência física, consequências psicossociais ou até mesmo levar à morte. Embora já exista no mercado opções para o tratamento de feridas cutâneas, não existe um "padrão ouro" e, em muitos países, plantas medicinais e moléculas derivadas de produtos naturais vêm sendo testados para a criação de novos fármacos cicatrizantes. Sendo assim, os terpenos BB1524 e BC1524 serão utilizados na síntese de uma formulação tópica para avaliar o potencial cicatricial desses compostos em lesões cutâneas em ratos. Após realização de testes de estabilidade, ratos Wistar machos serão randomicamente divididos em grupos experimentais (n = 5). Os animais serão submetidos à indução da lesão dorsal de 2 cm de diâmetro, que serão tratadas uma vez por dia e medidas durante 3, 7, 14 e 21 dias. A área das feridas será medida diariamente para verificar a redução macroscópica e o aspecto clínico das lesões. Após a eutanásia, a ferida será destinada a análises bioquímicas (atividade anti-inflamatória e antioxidante), moleculares (RT-qPCR), histológicas e imunohistoquímicas. Além disso, serão realizados testes de toxicidade sistêmica. Portanto, as moléculas BB1524 e BC1524 serão utilizadas para o desenvolvimento de fármacos cicatrizantes tópicos e a avaliação do potencial cicatricial dessas formulações. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BESERRA, FERNANDO PEREIRA; VIEIRA, ANA JULIA; SERGIO GUSHIKEN, LUCAS FERNANDO; DE SOUZA, EDUARDO OLIVEIRA; HUSSNI, MARIA FERNANDA; HUSSNI, CARLOS ALBERTO; NOBREGA, RAFAEL HENRIQUE; MONTEIRO MARTINEZ, EMANUEL RICARDO; JACKSON, CHRISTOPHER JOHN; DE AZEVEDO MAIA, GABRIELA LEMOS; ROZZA, ARIANE LEITE; PELLIZZON, CLAUDIA HELENA. Lupeol, a Dietary Triterpene, Enhances Wound Healing in Streptozotocin-Induced Hyperglycemic Rats with Modulatory Effects on Inflammation, Oxidative Stress, and Angiogenesis. OXIDATIVE MEDICINE AND CELLULAR LONGEVITY, 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.