Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das etapas do tratamento de canais radiculares, e das propriedades físico-químicas e biológicas de materiais à base de silicato tricálcico

Processo: 17/19049-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2018 - 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Mario Tanomaru Filho
Beneficiário:Mario Tanomaru Filho
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Pesq. associados:Juliane Maria Guerreiro Tanomaru ; Marco Antonio Hungaro Duarte
Assunto(s):Cultura de células  Biomateriais  Propriedades físico-químicas  Materiais dentários 

Resumo

Resultados obtidos em nosso Auxilio Pesquisa anterior (Processo: 2015/03437-6) nos levam a proposta atual que visa avançar na avaliação das etapas do tratamento endodôntico por meio de Microtomografia Computadorizada e no desenvolvimento de materiais reparadores. Os estudos propostos estão divididos em 5 subprojetos e visam avaliar novos instrumentos, técnicas e cinemáticas de preparo dos canais radiculares com Níquel-Titânio, materiais reparadores e técnicas de obturação. Ainda, serão avaliadas novas metodologias com emprego de Micro-CT e propriedades físico-químicas e biológicas de materiais de silicato tricálcico. Subprojeto 1 - Novos instrumentos de Níquel e Titânio com tratamento térmico são desenvolvidos. Parte A - avaliação da resistência a fadiga cíclica dos instrumentos ProDesing Logic e ProDesing R (Easy Equipamentos Odontológicos, Belo Horizonte, Brasil). Parte B - avaliação por micro-ct do preparo, obturação, retratamento e meios auxiliares de limpeza em canais radiculares de molares inferiores, utilizando o sistema rotatório ProDesing Logic e o sistema reciprocante Prodesing R. Subprojeto 2 - A microtomografia computadorizada é empregada para diferentes análises em Endodontia. Será avaliada a influência de diferentes resoluções no escaneamento antes e após preparo, limpeza e obturação de canais radiculares de molares inferiores de humanos, visando verificar a necessidade de escaneamentos com diferentes resoluções para análise de debris, trincas, percentual de falhas e capacidade de preenchimento. Subprojeto 3 - Estudos anteriores realizados pelo nosso grupo de pesquisa possibilitaram o desenvolvimento de novas metodologias para avaliação de alteração volumétrica, capacidade de preenchimento, escoamento e porosidade de materiais endodônticos por meio de propostas empregando Micro-CT. Serão realizados novos testes com diferentes dimensões e parâmetros de escaneamento a fim de desenvolver e definir metodologias padronizadas para avaliação de propriedades físico-químicas de cimentos endodônticos e materiais reparadores.Subprojeto 4 - Silicato tricálcico dopado com íons flúor (C3S-F) foi desenvolvido com potencial uso como biomaterial. Objetivo deste estudo será avaliar C3S-F associado a radiopacificadores. Serão avaliadas as propriedades físico-químicas, biocompatibilidade, capacidade antimicrobiana e potencial bioativo desses materiais. Outro objetivo será avaliar um material à base de silicato tricálcico associado ao radiopacificador tungstato de cálcio ou óxido de nióbio. Um vidro-cerâmico bioativo foi desenvolvido com nome de Biosilicato (UFSC, São Carlos). Desta forma, também será desenvolvido e avaliado material à base de silicato tricálcico associado ao radiopacificador óxido de zircônio e 10 ou 20% de biosilicato. Serão avaliadas as propriedades físico-químicas (tempo de presa, radiopacidade, solubilidade, pH) e as propriedades biológicas (biocompatibilidade, capacidade antimicrobiana e potencial bioativo) dos materiais. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.