Busca avançada
Ano de início
Entree

Atualização de equipamentos e infraestrutura de apoio aos laboratórios de pesquisa multiusuários do Instituto de Artes da UNICAMP

Processo: 17/24612-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Reserva Técnica para Infra-estrutura Institucional de Pesquisa
Vigência: 01 de fevereiro de 2018 - 31 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes
Pesquisador responsável:Grácia Maria Navarro
Beneficiário:Grácia Maria Navarro
Instituição-sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Recursos audiovisuais  Videoconferência  Laboratórios multiusuários  Recursos para a pesquisa  Infraestrutura de pesquisa  Reserva técnica 

Resumo

Esse projeto prevê a atualização de equipamentos e infraestrutura de apoio a dois laboratórios de pesquisa: 1. Laboratório Multiusuário do Instituto de Artes O Instituto de Artes dispõe de um Laboratório Multiusuário - Anfiteatro - com área total de 300m2, divido entre 100m2 de palco italiano e 200m2 de plateia para acomodação do público em 187 cadeiras. Os espetáculos, direcionados sempre para frente do palco, contam com um espaço de dimensões: boca de cena (9,6m), profundidade (7,16m), altura até a vara de luz (4,5m) e coxia, em cada lado (2,94m). Junto ao anfiteatro localiza-se uma cabine técnica para manipulação dos equipamentos audiovisuais para filmagens, edições de vídeo, iluminação e sonorização. Trata-se de um espaço fundamental, principalmente, para as atividades didáticas e pesquisa dos cursos de Música, Artes Cênicas e Artes Corporais, uma vez que o palco é o local onde se concretiza a formação artística por meio da capacidade de apresentação de trabalho em público. Parte das apresentações realizadas (shows, peças, espetáculos, mostras, etc.) são resultados práticos de pesquisas teóricas desenvolvidas por alunos e docentes do Instituto de Artes, junto às agências de fomento (FAPESP, CNPq, CAPES etc.). Outro destino desse mesmo espaço são as exibições de produtos audiovisuais do curso de Midialogia, bem como de eventos acadêmicos que incluem os cursos citados e também Artes Visuais. Assim, o referido laboratório é um lugar estratégico no IA, pois, todos os cursos fazem usos, de diferentes formas, de suas instalações. 2. Salas de Videoconferência O Instituto de Artes ainda não dispõe de serviços de videoconferência e almeja, assim, contar com tais serviços. A instalação está prevista para ocorrer na sala 03 (Pós-graduação), que possui 78 metros quadrados, dois pontos de rede, 4 caixas de som, mesa de som, 2 pontos de rede elétrica 110v, um ponto de rede elétrica de 220v e 60 lugares e também na sala 02 (Pós-graduação), que tem 20 metros quadrados, um ponto de rede, 2 pontos de rede elétrica de 110v e 10 lugares. Trata-se de uma tecnologia que viabiliza a execução de palestras, entrevistas, atividades didáticas como aulas e outras, bancas de TCC, qualificação e defesas e também encontros e reuniões a distância etc. A videoconferência, portanto, permite a realização de atividades acadêmicas e administrativas com pessoas que não se encontram no mesmo espaço físico. O uso dos serviços será feito sob a responsabilidade dos professores do IA, que estarão à frente das atividades. Assim, a pós-graduação terá prioridade nesses serviços, devido à necessidade de exames com participação de docentes de outras unidades acadêmicas. O IA possui quatro programas de pós-graduação (artes visuais, artes da cena, música e multimeios). Os números são representativos: 121 professores e 384 estudantes de pós-graduação (mestrado e doutorado). Devido à alta demanda, optamos por instalar os serviços em duas salas. As salas de videoconferência podem favorecer e aumentar as trocas acadêmicas à distância. Seguem abaixo os auxílios à pesquisa - regular e temático - FAPESP, vigentes, que serão beneficiados com esse projeto: 1- Pesquisa Projeto Temático FAPESP, Processo 2016/05318-7, em nome da Profa. Dra. Suzel Ana Reily, título "O musicar local - novas trilhas para a etnomusicologia", vigência 01/08/2016 à 31/07/2021. 2- Pesquisa regular FAPESP, Processo 2015/18219-4, em nome da Prof. Dr. Matteo Bonfitto Junior, título "Processos criativos: campo ampliado das artes da cena. interdisciplinariedade e conhecimento tácito", vigência 01/03/2017 à 28/02/2019. 3- Pesquisa regular FAPESP, Processo 2017/08134-7, em nome da Prof. Dr. Pedro Maciel Guimarães Junior, título "O ator como forma fílmica", vigência 01/08/2017 a 31/07/2019. 4- Pesquisa regular FAPESP, Processo 2015/24409-0, em nome da Prof. Dr. Fabio Nauras Akhras, título TAPESTRY - Tutorial a partir de audiovisuais para (...) e, vigência 01/10/2017 a 30/09/2019. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.