Busca avançada
Ano de início
Entree

Plano anual de aplicação da Reserva Técnica para Infraestrutura Institucional do campus experimental de Rosana

Processo: 17/25270-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Reserva Técnica para Infra-estrutura Institucional de Pesquisa
Vigência: 01 de fevereiro de 2018 - 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Renivaldo José dos Santos
Beneficiário:Renivaldo José dos Santos
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rosana. Rosana , SP, Brasil
Assunto(s):Tecnologia  Iniciação científica 

Resumo

Nos últimos anos o Campus de Rosana tem se destacado na área de pesquisa com um acréscimo de recursos captados para este importante tripé da universidade. O volume de publicações em periódicos e eventos tem crescido sistematicamente, tendo como principais protagonistas os estudantes que estão na graduação.Com a criação do curso de Engenharia de energia em 2014, novos professores e novas linhas de pesquisa começaram a ser implantadas no Campus, em acréscimo às atividades já desenvolvidas pelo curso de Turismo. A interação multidisciplinar tem gerados bons frutos, quer individualmente a cada curso, quer pelas ações extensionistas integradas oriundas das pesquisas dos docentes. Atualmente o Campus tem 35 (trinta e cinco) bolsistas de Iniciação científica (FAPESP, CNPq, Projetos de P&D, Unesp) e 8 (oito) projetos com financiamento externo (FAPESP, CNPq, P&D).Além dos auxílios regulares oriundos da FAPESP que têm sido aprovados, muitos alunos estão com bolsas de Iniciação Científica em linhas diretamente ligadas aos projetos aprovados, porém muitas vezes sem um espaço específico para o desenvolvimento de suas atividades. Nesse sentido, os recursos da Reserva Técnica Institucional serão investidos no ano de 2018 na criação de um Laboratório Interdisciplinar de Pesquisa, para atender principalmente aos bolsistas de Iniciação científica de ambos os cursos para o desenvolvimento de suas atividades. Existem hoje 4 laboratórios exclusivos de Pesquisa no Campus, dois do Turismo e dois da Engenharia de Energia, porém nem todos os estudantes com bolsas estão vinculados a esses laboratórios. Outros 4 laboratórios de pesquisa serão implementados em 2018 com recursos próprios do Campus em atendimento a novos recursos externos para a pesquisa captados em 2017.O espaço também servirá para acolher pesquisadores visitantes, alunos de pós-graduação e pequenas reuniões dos grupos de pesquisa. Atualmente temos 6 (seis) grupos de pesquisa no Campus e um espaço que sirva a todos será muito importante nesse sentido.Os recursos serão destinados à aquisição de 04 computadores e um aparelho de ar condicionado. O mobiliário (mesas, cadeiras) e a sala já estão sendo viabilizados pelo Campus. Tal espaço será de importância para troca de experiências entre os estudantes e docentes para contribuir ainda mais para o crescimento quantitativo e qualitativo da pesquisa do Campus.Com tal estrutura espera-se que os estudantes de iniciação científica sejam contemplados e a pesquisa do Campus cresça em qualidade. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.