Busca avançada
Ano de início
Entree

Reconstrução de materiais lignocelulósicos em líquidos iônicos para a preparação de novos materiais híbridos porosos (MHPs) para a desinfecção de água

Processo: 17/26803-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 16 de julho de 2018 - 29 de setembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Andrea Simone Stucchi de Camargo Alvarez Bernardez
Beneficiário:Andrea Simone Stucchi de Camargo Alvarez Bernardez
Pesquisador visitante: Emmanuel Iyayi Unuabonah
Inst. do pesquisador visitante: Redeemer's Univeristy, Nigéria
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07793-6 - CEPIV - Centro de Ensino, Pesquisa e Inovação em Vidros, AP.CEPID
Assunto(s):Propriedades ópticas  Materiais lignocelulósicos  Materiais híbridos  Desinfecção da água  Intercâmbio de pesquisadores 

Resumo

Atualmente, o decréscimo ao acesso a água potável se traduz em uma questão de preocupação global devido aos vários contaminantes liberados em corpos aquáticos, cujas origens podem ser de natureza industrial, humana e animal. Entre estes contaminantes, incluem-se os patógenos microbiais que podem oferecer grande risco à saúde. O uso de reagentes químicos como cloro e ozônio para desinfecção de água é bem conhecido mas resulta em subprodutos de desinfecção (DBPs) que são carcinogênicos e ameaçadores à saúde humana. Então, a busca por alternativas biosustentáveis para atacar este problema é de grande relevância. Por exemplo, biomateriais baseados em celulose tem sido utilizados em diferentes absorventes para o tratamento de água. De maneira similar, o objetivo deste trabalho é o de empregar materiais crus de biomassa e materiais híbridos resultante deles, para preparar materiais compósitos sensíveis a luz visível com habilidade para gerar espécies de oxigênio reativas (oxigênio singleto) para desinfecção de água contaminada com patógenos em áreas de alto risco de contaminação no globo. Os materiais compósitos serão obtidos através da exfoliação de material argiloso dopado com metais, preparado a partir de uma combinação de kaolinita e resíduos agrícolas, utilizando-se do método solvotérmico. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
UGWUJA, CHIDINMA G.; ADELOWO, OLAWALE O.; OGUNLAJA, AEMERE; OMOROGIE, MARTINS O.; OLUKANNI, OLUMIDE D.; IKHIMIUKOR, ODION O.; IERMAK, IEVGENIIA; KOLAWOLE, GABRIEL A.; GUENTER, CHRISTINA; TAUBERT, ANDREAS; BODEDE, OLUSOLA; MOODLEY, ROSHILA; INADA, NATALIA M.; DE CAMARGO, ANDREA S. S.; UNUABONAH, EMMANUEL I. Visible-Light-Mediated Photodynamic Water Disinfection @ Bimetallic-Doped Hybrid Clay Nanocomposites. ACS APPLIED MATERIALS & INTERFACES, v. 11, n. 28, p. 25483-25494, JUL 17 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.