Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de um antifúngico natural, obtido a partir de um óleo essencial, para aumentar a conservação de alimentos "in natura"

Processo: 17/08750-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de março de 2018 - 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Thaila Fernanda dos Reis
Beneficiário:Thaila Fernanda dos Reis
Empresa:Microcontrol Innovation Ltda. - ME
CNAE: Atividades de pós-colheita
Município: Ribeirão Preto
Pesq. associados:Andresa Aparecida Berretta e Silva ; Gustavo Henrique Goldman
Bolsa(s) vinculada(s):18/05592-7 - Desenvolvimento de um antifúngico natural, obtido a partir de um óleo essencial, para aumentar a conservação de alimentos in natura, BP.PIPE
Assunto(s):Segurança alimentar  Microbiologia de alimentos  Alimentos naturais  Óleos essenciais  Conservantes  Fungos fitopatogênicos  Antifúngicos 

Resumo

Devido o aumento constante da população mundial, a demanda por alimentos também aumenta. Entretanto, segundo a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, grande parte da produção de alimentos é perdida desde sua produção até a chegada à mesa do consumidor. Cerca de 40% da produção de alimentos direcionados para o consumo humano é deteriorada devido à ação de microrganismos (Hazan et al.,2004) incluindo fungos filamentosos tais como Aspergillus spp, Fusarium spp, Rhizopus spp O tomate é um fruto originário da América Latina e está presente na dieta de grande parte da população representando uma das principais fontes de licopeno na dieta humana. Dentre as diferentes variedades deste fruto, os mini tomates possuem alto valor agregado e importância econômica crescente em diversos países, inclusive no Brasil. Entretanto, a degradação desses frutos por agentes fitopatogênicos é bastante comum e representa um desafio para o cultivo deste fruto. O cultivo do tomate pode ser realizado tanto pelo método convencional como pela agricultura orgânica. A agricultura convencional utiliza grandes quantidades de pesticidas e compostos químicos os quais são altamente tóxicos e favorecem o surgimento de espécies fitopatogênicas resistentes exigindo assim a aplicação de quantidades crescentes desses produtos. Em contraste, o cultivo orgânico usa exclusivamente conservantes naturais e ecologicamente corretos. Os produtos orgânicos têm se tornado cada vez mais popular uma vez os consumidores têm se interessado pelo consumo de alimentos mais saudáveis e cuja produção afete minimamente o ambiente. Entretanto, uma grande desvantagem na agricultura orgânica é a recorrência de deterioração alimentar causada por microrganismos fitopatogênicos. Óleos essenciais (OE) são compostos naturais produzidos por plantas e que apresentam ação antimicrobiana, antioxidante, dentre outras. O início do corrente projeto realizou a triagem de uma coleção de 25 OE não orgânicos. Dentre eles, o óleo de Cinnamomum cassia inibiu o crescimento in vitro do fungo filamentoso modelo A. nidulans bem como espécies contaminantes de alimentos (Trichoderma atroviride, Nectria haematococca e Penicillium paneum) a uma concentração de 0.03%. A inibição do crescimento de A. nidulans também foi observada quando o ensaio de MIC foi realizado com OE orgânico de C. cassia a uma concentração de 0,015%.Esses resultados iniciais sugerem que o uso de agentes antimicrobianos naturais no combate do crescimento de fungos patogênicos de origem alimentar é altamente promissor apresentando riscos reduzidos da saúde humana e ambiental e grande potencial de aplicação, assim, representando um nicho particularmente interessante no mercado de negócios. Diante do que foi reportado, o projeto proposto visa caracterizar o efeito fungicida do OE de C. cassia frente a infecção de mini tomates orgânicos por fungos filamentosos e desenvolver um preservante inovador e de baixo custo de aplicação a base deste OE direcionado à preservação de mini tomates. Uma vez que muitas espécies fúngicas são recorrentes em diferentes alimentos, futuramente o produto desenvolvido será potencialmente aplicado na conservação de outros vegetais e também em culturas não-orgânicas. (AU)