Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de critério sobre energização magnetosférica durante tempestades geomagnéticas

Processo: 18/05260-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 14 de junho de 2018 - 28 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Pesquisador responsável:Walter Demetrio Gonzalez Alarcon
Beneficiário:Walter Demetrio Gonzalez Alarcon
Pesquisador visitante: Ramon Edgardo Lopez
Inst. do pesquisador visitante: University of Texas at Arlington (UT Arlington), Estados Unidos
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Geofísica espacial  Tempestades geomagnéticas  Intercâmbio de pesquisadores  Astrofísica solar 

Resumo

O projeto "Desenvolvimento de critério sobre energização magnetosférica durante tempestades geomagnéticas" sera feito durante uma visita de duas semanas ao INPE do Dr. Ramón López, da Universidade de Texas, para trabalhar nesse projeto com o Dr. Walter Gonzalez e colaboradores do INPE. O objetivo principal desta proposta é o desenvolvimento de uma nova escala para classificar as tempestades geomagnéticas pela quantidade total de energia dissipada na magnetosfera. A pesquisa principal deste projeto será de reanalisar a lista existente de supertempestades geomagnéticas e de identificar eventos adicionais que compartilhem as características de superstorms, incluindo níveis muito grandes de dissipação de energia total magnetosférica e não somente relacionada com a corrente de anel, medido pelo índice Dst. Assim, esperamos que o presente projeto marcará uma nova partida importante classificando tempestades pelo nível mais representativo da sua dissipação de energia magnetosférica. Este trabalho segue um trabalho importante apoiado pela FAPESP no passado que levou a resultados significativos posteriores no estudo das tempestades geomagnéticas. Também, isso preparará o cenário para a conferência "Brasil 10", a qual esta sendo planejada para realizar-se em Pequim,em Maio de 2019, em colaboração com o Centro Nacional de Ciências Espaciais da Academia de Ciências da China. (AU)