Busca avançada
Ano de início
Entree

Evidência molecular de um cenário complexo oculto em Leporinus cf friderici

Processo: 18/05861-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de maio de 2018 - 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Patrícia Domingues de Freitas
Beneficiário:Patrícia Domingues de Freitas
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Filogenia 

Resumo

A megadiversidade da ictiofauna neotropical tem sido associada a recentes processos de diversificação, refletindo em diferenciação morfológica sutil ou ausente entre espécies, desafiando assim a identificação taxonômica clássica. Leporinus friderici ocorre em várias bacias hidrográficas da América do Sul, e sua validade taxonômica nominal tem sido questionada. Sua ampla distribuição dentro do Escudo Brasileiro sugere que esta espécie possa estar geneticamente estruturada entre as bacias hidrográficas, apesar de ser observada uma acentuada similaridade morfológica. Neste estudo, nós realizamos análises filogenéticas, baseadas em três nucleares (gene ativador de recombinação 1, RAG1, gene ativador de recombinação 2, RAG2 e gene alfa do músculo cardíaco da cadeia pesada da miosina 6, Myh6) e dois marcadores mitocondriais (COI e Citocromo b, Cytb ), em espécimes morfologicamente semelhantes a L. friderici e em espécies relacionadas de diferentes bacias hidrográficas na América do Sul. Nossa árvore filogenética identificou quatro clados bem sustentados, que apontam para a existência de inconsistências taxonômicas dentro deste grupo de peixes. Um clado chamado L. cf. friderici sensu stricto incluiu oito Unidades Taxonômicas Operacionais Moleculares recentemente diversificadas nas bacias do Escudo Brasileiro. Esses resultados também foram confirmados pela análise de delimitação de espécies de um único gene, sugerindo que este clado inclui um complexo de espécies, caracterizando incertezas taxonômicas. Outro clado recuperou apenas L. friderici dos rios Suriname, validando esta espécie nominal em sua localidade tipo. Um terceiro clado, caracterizado por divergência de espécies mais profundas, e não nominado aqui, recuperou cinco espécies nominais diferentes intercaladas com outras formas não descritas anteriormente, mas também reconhecidas como L. cf. friderici, indicando erros taxonômicos. O quarto clado inclui apenas L. taeniatus. Estes resultados mostraram um cenário complexo envolvendo o morfotipo L. cf. friderici, permitindo discutir aspectos relacionados à diversificação evolutiva desse grupo de peixes e processos históricos envolvidos, e a importância de estudar a biodiversidade oculta para estudos de taxonomia e planos de ação conservacionistas desses peixes. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.