Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação de mastócitos na lesão renal induzida por isquemia reperfusão

Processo: 05/52333-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2005
Vigência (Término): 31 de julho de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Marilda Mazzali
Beneficiário:Felipe Caetano Beraldo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Mastócitos   Inflamação   Transplante de rim

Resumo

A lesão renal causada pela isquemia é a principal causa de insuficiência renal aguda em rins nativos e transplantados. A fisiopatologia da IRA induzida por isquemia/reperfusão (IR) envolve alterações na hemodinâmica renal, lesão de células endoteliais, tubulares e os processos inflamatórios, que resultam na ativação e lesão de células endoteliais, aumento da adesão entre endotélio e leucócitos, migração de leucócitos para o tecido afetado e comprometimento microvascular. Dentre as células inflamatórias envolvidas no modelo IR, estudos demonstram a participação de macrófagos e leucócitos. Os mastócitos, apesar de participarem ativamente do processo de fibrose intersticial renal, são pouco estudados no modelo IR. Estudos anteriores demonstraram que a presença de mastócitos em transplantes renais humanos com NTA apresentaram correlação com o desenvolvimento de fibrose intersticial. Assim, o presente projeto tem como hipótese que a presença de mastócitos no modelo de IR seria um fator de risco para nefropatia crônica. Para tanto, animais (ratos Wistar machos) serão submetidos ao procedimento clássico de isquemia reperfusão (Kelly, 1996), e sacrificados a períodos variáveis de 1 a 14 dias. Ao final de cada período serão analisadas a função renal (taxa de filtração glomerular) e a presença de células inflamatórias, de marcadores de fibrose e de integridade microvascular, por imunohistoquímica. O resultado esperado é que a presença de mastócitos se correlacione com a expressão de marcadores de fibrose intersticial. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BERALDO, Felipe Caetano. Participação de mastocitos na lesão renal induzida por isquemia/reperfusão. 2007. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Ciências Médicas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.