Busca avançada
Ano de início
Entree

Estrutura e diversidade de comunidades de microrganismos em solos sob diferentes sistemas de uso da terra na Amazônia Ocidental

Processo: 07/01868-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2007
Vigência (Término): 31 de agosto de 2009
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Tsai Siu Mui
Beneficiário:Acacio Aparecido Navarrete
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Bactérias   Fungos   Archaea   Eletroforese em gel de gradiente desnaturante   Amazônia Ocidental

Resumo

As estruturas e a diversidade de comunidades microbianas no solo são influenciadas por alterações e perturbações ambientais prevalentes nesse meio. A maior parte das alterações nos ecossistemas de terra firme da Amazônia tem por finalidade a implantação de atividades agrícolas, florestais ou pastoris. Os Domínios Bacteria, Fungi e Archaea desempenham papel central em processos biogeoquímicos relacionados à manutenção da capacidade produtiva dos solos. O presente projeto tem como objetivo avaliar as estruturas de comunidades de bactérias, fungos e Archaea por meio de eletroforese em gel de poliacrilamida com gradiente desnaturante (DGGE) e análise automatizada do espaço intergênico ribossomal (ARISA), bem como a diversidade destes domínios por sequenciamento parcial dos genes 16S rRNA e 18S rRNA e dos espaços intergênicos ribossomais 16S-23S rRNA e 18S-28S rRNA nos sistemas de uso da terra denominados Floresta, Pastagem e Agricultura inseridos nas áreas amostrais do projeto BiosBrasil (Conservation and Sustainable Management of Below-Ground Biodiversity: Phase I), do qual o Laboratório de Biologia Celular e Molecular do CENA/USP participa. A área de estudo situa-se no município de Benjamin Constant, região do Alto Solimões, Estado do Amazonas. Com as ferramentas moleculares espera-se obter informações sobre as alterações das populações microbianas dos solos sob floresta primária tropical da Amazônia em decorrência do efeito antropogênico de desmatamento e uso da terra com pastagem e agricultura. A similaridade das estruturas de comunidades microbianas nos diferentes sistemas de uso da terra analisados será determinada com base na presença de amplicons detectados após DGGE e na variedade de picos correspondentes a fragmentos de DNA detectados em ARISA, usando o programa Systat 8.0 e análise de componentes principais (PCA), respectivamente. A riqueza de filotipos será estimada utilizando os métodos não-paramétricos ACE e Chao1 e os índices de diversidade de Shannon e Recíproco de Simpson serão determinados utilizando o programa SPADE.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NAVARRETE, ACACIO APARECIDO; TAKETANI, RODRIGO GOUVEA; MENDES, LUCAS WILLIAM; CANNAVAN, FABIANA DE SOUZA; DE SOUZA MOREIRA, FATIMA MARIA; TSAI, SIU MUI. LAND-USE SYSTEMS AFFECT ARCHAEAL COMMUNITY STRUCTURE AND FUNCTIONAL DIVERSITY IN WESTERN AMAZON SOILS. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 35, n. 5, p. 1527-1540, SEP-OCT 2011. Citações Web of Science: 25.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.