Busca avançada
Ano de início
Entree

Modelos de otimização e confiabilidade em peças estruturais sujeitas a fadiga através do método dos elementos de contorno

Processo: 05/59772-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2006
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Estruturas
Pesquisador responsável:Wilson Sérgio Venturini
Beneficiário:Edson Denner Leonel
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Confiabilidade   Análise não linear   Método dos elementos de contorno

Resumo

O objetivo desta proposta é o desenvolvimento de modelos de confiabilidade para análise de peças ou sistemas estruturais cuja ruptura é causada por fadiga. Pretende-se desenvolver modelos de confiabilidade para o caso de fratura elástica linear e para fratura coesiva. O modelo será também estendido a sólidos enrijecidos onde a perda de aderência será também levada em conta. Pretende-se desenvolver o modelo confiabilístico que permita a avaliação da confiabilidade para os diversos modos de falha que vão permitir o cálculo da probabilidade de falha global do sistema quer seja em série, paralelo ou misto. No último caso será também levada em conta a perda de aderência. O modelo mecânico a ser utilizado para a detecção dos pontos limites será baseado na formulação do método dos elementos de contorno considerando-se sólidos com uma fratura ou multi-fraturados. A avaliação das probabilidades de falha será sempre feita a partir de aproximações das superfícies limites a ser construídas podendo ser aproximações locais com modelos iterativos para a determinação do ponto de projeto (RSM) ou aproximada globalmente a partir de modelos de simulação com amostras reduzidas. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.