Busca avançada
Ano de início
Entree

Supressao das emissoes otoacusticas evocadas por transientes, com estimulo tone burst, em neonatos com risco para alteracao auditiva.

Processo: 05/03085-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2006
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2008
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Renata Mota Mamede Carvallo
Beneficiário:Jordana Costa Soares
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Emissões otoacústicas

Resumo

As Emissões Otoacústicas (EOAs) são sons gerados dentro da cóclea normal, espontaneamente ou em resposta à estimulação acústica. Uma possibilidade de pesquisa em audição é a supressão das EOAs, que verifica a diminuiçao da resposta das EOAs a partir de estimulação acústica simultânea à captação das EOAs. Acredita-se que esta diminuição ocorra devido ao papel da via eferente auditiva. O presente trabalho tem como objetivo verificar a presença de atenuação das EOAs em lactentes com e sem risco para perda auditiva, por meio da captação de EOAs, a partir de estímulo “tone-burst”, sem e com ruído contralateral. Para compor a amostra serão submetidos à avaliação 60 neonatos nascidos no Berçário do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo, divididos em dois grupos: I - neonatos nascidos sem risco auditivo e II – neonatos com risco auditivo. O tamanho da amostra foi determinado a partir da observação de estudos anteriores. O equipamento utilizado será o ILO 292 / ECHOPORT PLUS Otodynamics Analyser - que permite a captação de EOA, já presente no setor de audiometria do HU-USP, pertencente ao Curso de Fonoaudiologia da FMUSP, com computador portátil, processador Pentium III, monitor colorido, no qual está instalado a versão ILO V5 292 Echoport Plus Otodynamics Analyser. Após consentimento da participação de seus filhos na pesquisa, mediante assinatura do devido termo de consentimento, a pesquisa será realizada. A captação das EOAE se dará preferencialmente entre 48 e 60 horas de vida para os integrantes de ambos os grupos do estudo. Os procedimentos poderão ser realizados após esse período caso o sujeito não esteja em condições clínicas estáveis, sendo então realizada a pesquisa próximo à alta. Assim, pretende-se ampliar as informações sobre o desenvolvimento da função auditiva nessa população. A análise estatística do conjunto de dados objetivará obter a análise descritiva (exploratória dos dados por meio das medidas de tendência central e correlação de Pearson) e a análise inferencial. Será utilizada a técnica estatística ANOVA – ANALYSIS OF VARIANCE.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)