Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo dos mecanismos moleculares e celulares da imunidade inata que regem a fisiopatologia da asma

Processo: 06/52983-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2006
Vigência (Término): 30 de setembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Antonio Condino Neto
Beneficiário:Angela Falcai
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Hipersensibilidade   Imunidade inata   Crianças   Asma   Genética

Resumo

A asma é uma doença inflamatória crônica, poligênica e de elevada prevalência (10-25% conforme a localidade). Geralmente incide na infância e em função de sua gravidade causa impacto variável na qualidade de vida e no desenvolvimento da criança. O polimorfismo de CD14 é caracterizado pela mudança de um nucleotídeo citosina por uma timina na posição -159, que está relacionado com o sítio de iniciação da transcrição. Indivíduos que possuem os alelos polimórficos apresentam altos níveis de CD14s no soro e baixos níveis de IgE total, fenômeno observado principalmente em crianças atópicas. O polimorfismo no gene TLR 4 Asp299Gly, na mudança de um ácido aspártico por uma glicina na proteína atenua a sinalização por este receptor. Acredita-se que a asma é controlada por células Th2 secretando citosinas, tais como IL-4, IL-5, IL-9, IL-10, IL-13 e fator estimulante de colônias de macrófagos-granulócitos (GM-CSF), enquanto que mastócitos e eosinófilos exercem uma importante função efetora. Contudo, as citosinas IL-10 e IL-12 têm sido consideradas como importantes na regulação das doenças alérgicas. O objetivo deste projeto é a estudar a asma brônquica em crianças, levando em consideração a participação de neutrófilos, nos quais, podem estar envolvidos na patogênese da asma através de sua ativação, polimorfismos de CD14 e TLR4 e sua interação com componentes microbianos, como LPS; assim como produção de citosinas (IL-12, IL-1, IL-10, TNF, IL-4 e IFN-) mediante a estimulação celular e ativação linfocitária regulada por NF-kB. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FALCAI, Angela. Fatores genéticos, exposição ambiental, mecanismos imunológicos e o desenvolvimento da sibilância e da asma na infância.. 2010. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.