Busca avançada
Ano de início
Entree

Impacto da vegetacao nos microclimas urbanos.

Processo: 06/54330-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2006
Vigência (Término): 31 de agosto de 2008
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Denise Helena Silva Duarte
Beneficiário:Paula Shinzato
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Balanço de energia   Microclima urbano   Vegetação

Resumo

O objeto desta pesquisa são os efeitos da vegetação nas condições microclimáticas urbanas. A partir de diferentes arranjos para a distribuição das áreas verdes na cidade e com o uso de espécies locais, o objetivo é quantificar a intensidade e a distribuição espacial dos efeitos microclimáticos da vegetação, principalmente as alterações de temperatura e umidade do ar e de temperatura superficial no nível do pedestre, utilizando-se modelos de balanço de energia. Atualmente, a carência de áreas verdes tem gerado mudança nos microclimas das grandes metrópoles e, em São Paulo, são evidentes as conseqüências geradas por esta redução da vegetação urbana: enchentes, aquecimento das superfícies urbanas, baixa qualidade do ar, além de aumentar o efeito de ilha de calor na cidade. Portanto, existe a necessidade de se desenvolver estudos preditivos que quantifiquem os efeitos do uso da vegetação, considerando os microclimas locais. Nesta pesquisa, a análise dos resultados será feita utilizando-se modelos de balanço de energia, com o auxílio de ferramentas computacionais, para que possa simular os efeitos da vegetação sobre as condições microclimáticas no nível do pedestre. Esperam-se como resultados a determinação da intensidade e da área de abrangência dos efeitos da vegetação urbana na redução de temperatura e no aumento da umidade do ar, com análises de diferentes arranjos espaciais para distribuição da vegetação (parque linear, grande massas de vegetação, pequenos agrupamentos espaçados, etc.). (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SHINZATO, Paula. O impacto da vegetação nos microclimas urbanos. 2009. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Arquitetura e Urbanismo São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.