Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise filogenética e revisão taxonômica do gênero Microschemobrycon Eigenmann, 1915 (Characiformes: Characidae)

Processo: 06/54407-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2007
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Ricardo Macedo Corrêa e Castro
Beneficiário:Marcel Rodrigo Cavallaro
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:04/09219-6 - Relações filogenéticas em Characidae (Ostariophysi: Characiformes), AP.TEM
Assunto(s):Characidae   Zoologia (classificação)   Filogenia

Resumo

O gênero Microschemobrycon foi proposto originalmente por Eigenmann, 1915 para abrigar a espécie M. guaporensis, descrita de Maciel, rio Guaporé, bacia do rio Madeira, Brasil. O gênero compreende atualmente sete espécies válidas, distribuídas majoritariamente na bacia Amazônica. O estado atual da sistemática de Microschemobrycon é bastante insatisfatório, encontrando-se o mesmo, no momento como incertae sedis em Characidae. Assim, os principais objetivos deste trabalho são: a) baseado na metodologia cladística e caracteres morfológicos, principalmente esqueléticos, testar o monofiletismo do gênero em questão e; b) caso o mesmo ou parte dele se mostre sustentável por sinapomorfias, revisá-lo taxonomicamente e efetuar a análise das inter-relações filogenéticas de suas espécies consideradas válidas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RODRIGUEZ, MONICA S.; CAVALLARO, MARCEL R.; THOMAS, MATTHEW R. A New Diminutive Species of Loricaria (Siluriformes: Loricariidae) from the Rio Paraguay System, Mato Grosso do Sul, Brazil. Copeia, n. 1, p. 49-56, MAR 30 2012. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.