Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção e caracterização tópica de géis de fase cúbica de monoleína/água como sistema de liberação para a zincoftacolcianina tetrassulfonada na terapia fotodinâmica do câncer de pele: estudo in vitro e in vivo

Processo: 01/11192-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2002
Vigência (Término): 04 de janeiro de 2004
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Maria Vitória Lopes Badra Bentley
Beneficiário:Fabiola Silva Garcia
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Monoleína   Terapia fotodinâmica   Neoplasias cutâneas

Resumo

A Terapia Fotodinâmica (TFD) constitui uma modalidade terapêutica inovadora para o câncer de pele. Devido sua habilidade fotossensibilizante em sistemas biológicos, a zinco-ftalocianina tetrassulfonada, tem apresentado apropriado potencial no tratamento de tumores epiteliais superficiais. Entretanto, suas características físicos-químicas não favorecem a penetração cutânea adequada. O estudo de um sistema de liberação que proporcione um aumento na penetração cutânea da zinco-ftalocianina tetrassulfonada da TFD para tumores cutâneos. O uso de promotores de absorção de características lipídicas tem-se apresentado como uma tendência na liberação de fármacos na pele. A monoleína apresenta efeito promotor bem como forma géis cristalinos (fase cúbica) na presença de água, atuando como verdadeiro sistema de liberação difusional de fármacos. O presente projeto propõe a obtenção de um sistema de liberação a partir de gel de fase cúbica de monoleína/água contento zinco-ftalocianina tetrassulfonada, além da caracterização da permeação e retenção cutâneas in vitro e do grau de penetração in vivo do fotossensibilizante, nas diferentes camadas da pele: estrato córneo e epiderme viável + derme. (AU)