Busca avançada
Ano de início
Entree

A teoria semiótica da criação com base na crítica genética e a música planimetrica de h j Koellreutter

Processo: 02/01848-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2002
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2006
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação
Pesquisador responsável:Cecilia Almeida Salles
Beneficiário:Nelio Tanios Porto
Instituição-sede: Programa de Estudos Pós-Graduados em Semiótica. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). São Paulo, SP, Brasil
Assunto(s):Crítica genética

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo estudar e analisar a obra musical e estética de H.J. Koellreutter sob o ponto de vista da Teoria Semiótica da Criação com base na Crítica Genética, tendo como campos interdisciplinares a teoria semiótica de Charles Sanders Peirce e a Semiótica da Cultura (Semiótica Russa da Escola de Tartu). A Crítica Genética será a linha de pesquisa a qual irei adotar para ser o instrumento de análise semiótica, por meio do estudo dos manuscritos (documentos de processo), dirigindo-se a, uma compreensão do processo criativo artístico e o conceito de obra como processo permanente de experimentação, base criativa do compositor. A Crítica Genética como abordagem interdisciplinar, transdisciplinar e transemiótica será o ponto fundamental desta pesquisa. A Semiótica da Cultura será interdisciplinar na medida em que tentara contextualizar a obra de H.J. Koellreutter no universo musical contemporâneo, como experimentação e informação de idéias novas como ato comunicativo. O processo de criação como semiose do processo gerativo é o propósito no sentimento de tendência para um fim - tese da causação final de Charles S. Peirce, semiose que abre espaço para a tendencialidade, pela lógica da incerteza, pelo acaso e para o mecanismo de idéias novas. Estes são pontos fundamentais encontrados nas obras da Prof. Cecília Almeida Salles, onde a autora apresenta novas abordagens estéticas da criação, alicerces indispensáveis para os objetivos deste projeto. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.