Busca avançada
Ano de início
Entree

Prevalência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e anti-Neospora caninum em ovinos da região oeste do Estado de São Paulo

Processo: 01/00837-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2001
Vigência (Término): 31 de março de 2003
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Nobuko Kasai
Beneficiário:Leticia Pinto Coelho Figliuolo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Sorologia   Ovinos   Toxoplasma   Neospora

Resumo

A toxoplasmose é uma zoonose cosmopolita e causa graves prejuízos econômicos, na ovinocultura, causando abortamentos, natimorbidade, natimortalidade. Quanto à neosporose também pode causar problemas semelhantes, como comprovado experimentalmente. No Brasil a ovinocultura tem tido um grande incremento a partir do início da década de 80, tendo passado de 18,4 milhões de cabeças para 28 milhões em 2000. No estado de São Paulo há, atualmente cerca de 440 mil ovinos. Aproximadamente metade deles está sendo criada na região noroeste. Apesar da importância econômica da ovinocultura brasileira, pouco se conhece sobre a prevalência da toxoplasmose nesses rebanhos, especialmente no nosso estado. Quanto à neosporose ovina ainda não há trabalhos sobre prevalência em ovinos realizados no país, ou no exterior. Desta forma, o objetivo do trabalho é pesquisar a prevalência desses agentes em ovinos, na região noroeste do estado de São Paulo. Esse conhecimento poderá servir de base para a sugestão de medidas de profilaxia dessas importantes protozooses. (AU)