Busca avançada
Ano de início
Entree

Dinâmicas sociais e sociabilidade ná Amazônia: o caso da Reserva Extrativista do Alto Juruá, Acre

Processo: 07/57093-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2008
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia Rural
Pesquisador responsável:Mauro William Barbosa de Almeida
Beneficiário:Roberto Sanches Rezende
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Seringueiros   Amazônia   Reserva extrativista   Acre

Resumo

Este projeto pretende ser um estudo das transformações ocorridas nos últimos anos na organização dos seringais da floresta amazônica, tendo como foco empírico a Reserva Extrativista do Alto Juruá, uma área definida como unidade de conservação de uso direto. O material de pesquisa será a bibliografia sobre a região, cadernos de monitoramento sócio-ambiental produzidos por alguns moradores locais, bem como dados obtidos por mim em três viagens de campo. Uma hipótese norteadora da pesquisa é de que ocorreu uma alteração produtiva nos seringais, evidenciada pelo declínio do mercado para a borracha, e que tal processo culminou em um aumento gradativo de outras atividades e novas formas de relação com o meio ambiente. Também trabalhamos com a idéia de que novas relações produtivas e novas relações com o meio estão acompanhadas de novas formas de sociabilidade e de organização e ocupação do espaço, que não são levadas em conta nas políticas públicas que levaram à criação das Reservas Extrativistas. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
REZENDE, Roberto Sanches. Das colocações à vila : processos de urbanização no Alto Rio Tejo, Acre. 2010. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.