Busca avançada
Ano de início
Entree

A permanência da arte: estética e política em Herbert Marcuse

Processo: 06/56787-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2007
Vigência (Término): 31 de maio de 2010
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia
Pesquisador responsável:Olgária Chain Féres Matos
Beneficiário:Aléxia Cruz Bretas
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Crítica de arte   Práxis   Estética (filosofia)

Resumo

A partir de uma abordagem crítica da obra de Herbert Marcuse, este projeto de pesquisa busca acompanhar o tratamento da relação entre a "dimensão estética" e a "práxis política" nos escritos do autor, privilegiando a análise dos textos onde ela adquire maior envergadura teórica. Tendo por lastro o diálogo com a tradição filosófica - representada por Kant, Hegel, Marx e Heidegger -, acrescido à interlocução com outros colaboradores do Instituto de Pesquisa Social - sobretudo, Benjamin, Adorno e Habermas -, serão ressaltadas as limitações e aportes das críticas de Marcuse, especialmente no que se refere às tensões subjacentes à proposta - teórica, mas também política - de constituição de um "ethos estético" não-repressivo, como alternativa à chamada "unidimensionalização" da cultura. (AU)