Busca avançada
Ano de início
Entree

Hexamerina hex 70c de Apis mellifera: caracterização do cDNA e expressão durante a metamorfose e reprodução

Processo: 05/03302-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2006
Vigência (Término): 31 de agosto de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Marcia Maria Gentile Bitondi
Beneficiário:Juliana Ramos Martins
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Genética do desenvolvimento   Regulação da expressão gênica   Reprodução   Apis mellifica

Resumo

O seqüenciamento (http://www.hgsc.bmc.tmc.edu/projects/honeybee/) e anotação ainda que parciais do genoma de A. mellifera, criaram a oportunidade de utilizar esta abelha, de grande valor econômico, como modelo para o estudo de genes cuja atividade é diferencialmente modulada entre as castas da colméia. Este é o caso das operárias e rainha, geradas a partir da regulação de um único genoma por fatores ambientais, i.é., pelo alimento diferencial recebido enquanto larvas. A morfogênese de 2 organismos distintos, de mesmo sexo, na mesma espécie, é um atributo dos insetos sociais, de modo que o seqüenciamento do genoma de abelhas abre fronteiras de investigação científica além daquelas desvendadas pelos genomas de Drosophila e Anopheles. A regulação diferencial da atividade gênica pode ser estudada focando-se os genes das hexamerinas (Hex). Nosso laboratório mostrou que a atividade de um destes genes é regulada pelo ambiente, i.e., pela dieta alimentar (Cunha et al., 2005). Além disto, os genes Hex têm função na metamorfose, onde a diferenciação de castas torna-se evidente, e pelo menos um deles é diferencialmente expresso nas castas. Há ainda evidências de que têm função na reprodução. Este projeto está sendo proposto com o intuito de completar o estudo da família de genes Hex de A. mellifera, três dos quais já foram caracterizados em nosso laboratório. Pretende-se clonar e seqüenciar o 4º. e último gene (Hex 70c) e proceder a estudos de expressão utilizando RT-PCR e PCR em tempo real, no contexto da regulação da diferenciação de castas, metamorfose e reprodução. Finalizaremos este trabalho com uma análise comparativa da estrutura gênica e dos perfis de expressão dos quatro genes codificadores de hexamerinas, com o objetivo de buscar evidências experimentais e computacionais de suas origens e possíveis funções alternativas.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LOURENCO, ANETE PEDRO; MARTINS, JULIANA RAMOS; SILVA TORRES, FERNANDA ANDRADE; MACKERT, ALINE; AGUIAR, LUIZ ROBERTO; HARTFELDER, KLAUS; GENTILE BITONDI, MARCIA MARIA; PAULINO SIMOES, ZILA LUZ. Immunosenescence in honey bees (Apis mellifera L.) is caused by intrinsic senescence and behavioral physiology. Experimental Gerontology, v. 119, p. 174-183, MAY 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.