Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade de pequenos mamíferos em ambientes antropogênicos: espécies endêmicas e invasoras em paisagens de Mata Atlântica com diferentes porcentagens de perda da cobertura florestal

Processo: 06/57003-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Renata Pardini
Beneficiário:Fabiana Umetsu
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:05/56555-4 - Diversidade de mamíferos em paisagens fragmentadas no Planalto Atlântico de São Paulo, AP.JP
Assunto(s):Ecologia da paisagem   Fragmentação   Pequenos mamíferos   Mata Atlântica

Resumo

Devido à expansão das atividades humanas, há perda de remanescentes e no entorno destes são criados habitats antropogênicos denominados coletivamente de matriz. As características da matriz afetam o grau de coesão entre as populações dos remanescentes e, portanto, a chance de extinção das espécies nativas em paisagens fragmentadas. Através do estudo de 42 sítios de amostragem em ambientes antropogênicos abertos em duas paisagens fragmentadas de Mata Atlântica com diferentes proporções de perda da cobertura florestal original, este projeto tem como objetivos: (1) avaliar o uso destes ambientes por espécies de pequenos mamíferos endêmicas da Mata Atlântica, espécies não restritas a este bioma e espécies introduzidas; (2) investigar a influência da quantidade e conectividade destes ambientes para a ocorrência e a abundância destes diferentes grupos de espécies e (3) testar se a relação entre a ocorrência/abundância dos diferentes grupos de espécies com a quantidade/conectividade dos ambientes antropogênicos varia em paisagens com diferentes proporções de perda da cobertura florestal original. Adicionalmente, utilizando amostragens padronizadas nas duas paisagens em fragmentos florestais (projeto associado) e nos ambientes antropogênicos, temos como objetivo comparar a importância da conectividade estrutural (considerando a matriz como inóspita) e da conectividade funcional (considerando a qualidade da matriz) para a ocorrência das espécies de pequenos mamíferos nos fragmentos. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
UMETSU, Fabiana. Efeito do contexto da paisagem em diferentes escalas sobre a distribuição de pequenos mamíferos em cultivos agrícolas e em remanescentes florestais. 2010. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.