Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenho reprodutivo de lambaris (Astyanax altiparanae) alimentados com óleos obtidos a partir de resíduos de peixe

Processo: 06/01885-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2006
Vigência (Término): 31 de outubro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Aquicultura
Pesquisador responsável:Elisabete Maria Macedo Viegas
Beneficiário:Ligia Uribe Gonçalves
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Assunto(s):Peixes   Lambari   Aproveitamento de subprodutos   Óleos de peixe   Ácidos graxos   Eficiência reprodutiva animal   Crescimento animal

Resumo

Durante o processamento de pescado são gerados ao redor de 50% de resíduos do volume total, os quais muitas vezes, são descartados gerando um grande impacto ambiental. Estes resíduos podem ser utilizados na extração de óleo de peixe. Os óleos de peixes possuem alto teor de ácidos graxos insaturados, os quais são mobilizados a partir das reservas lipídicas durante a gametogênese, transferidos para o desenvolvimento dos ovários e incorporados como material nutritivo no ovo, servindo como principal fonte endógena de alimento no desenvolvimento embrionário e larval. O presente projeto será realizado em duas etapas. Na primeira etapa, serão coletados resíduos do processamento de tilápia do Nilo e sardinha para a extração do óleo e sua caracterização química e nutricional. Na segunda etapa serão fornecidas para lambaris desde a fase larval até o período reprodutivo, 4 tipos de dietas elaboradas com diferentes fontes de lipídios: (D1) com óleo de uma fonte vegetal (óleo de soja), comumente utilizada em rações comerciais, (D2) dieta contendo óleo de resíduos de tilápia do Nilo, (D3) dieta enriquecida com óleo de resíduo de sardinha, comparadas com uma dieta sem adição de óleo (D4). No período reprodutivo, os peixes serão induzidos artificialmente à reprodução e serão avaliados os principais parâmetros reprodutivos. Desta forma, pretende-se verificar se diferentes fontes de lipídios e ácidos graxos interferem positivamente tanto no crescimento quanto no processo reprodutivo desta espécie de peixe de água doce. (AU)