Busca avançada
Ano de início
Entree

Levantamento de cigarrinhas potencialmente vetoras de xylella fastidiosa, associadas a cultura da ameixeira nos estados de sao paulo e rio grande do sul.

Processo: 06/60024-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2007
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Joao Roberto Spotti Lopes
Beneficiário:Cristiane Müller
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Xylella fastidiosa   Insetos vetores

Resumo

A escaldadura das folhas da ameixeira (EFA) é uma doença que reduz drasticamente a produção e a expansão desta cultura no Brasil, sendo causada pela bactéria Xylella fastidiosa. Em outras culturas afetadas por este patógeno, tais como videira e citros, diversas cigarrinhas pertencentes à subfamília Cidadellinae (Hemiptera: Cicadellidae) e família Cercopidae foram identificadas como vetoras. Em ameixeira, no entanto, pouco se sabe a respeito de possíveis vetores desta bactéria, o que dificulta o controle da EFA. Assim, o objetivo desta pesquisa é identificar potenciais vetores associados à disseminação da EFA em dois importantes pólos produtores de ameixa nos Estados de São Paulo (município de Paranapanema) e Rio Grande do Sul (Serra Gaúcha), com base em índices faunísticos e dados de flutuação populacional e infectividade natural de espécies de cicadelíneos e cercopideos presentes na cultura. Para tal, serão realizados levantamentos quinzenais de cigarrinhas em pomares de ameixa das duas regiões estudadas, durante 24 meses, por meio de armadilhas adesivas. Os dados de captura serão submetidos à análise faunística para a determinação de espécies predominantes, as quais serão analisadas quanto à flutuação populacional, distribuição espacial (copa das ameixeiras x vegetação rasteira) e infectividade natural. Os resultados obtidos servirão como base para futuros estudos de manejo dos vetores nas duas regiões, buscando- se reduzir a disseminação da doença e prolongar a vida útil dos pomares. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MÜLLER, Cristiane. Análise faunística e flutuação populacional de cigarrinhas (Hemiptera: Cicadellidae) potenciais vetoras de Xylella fastidiosa em pomares de ameixeira nos estados do Rio Grande do Sul e São Paulo, Brasil. 2009. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.