Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo neuroanatômico e neurofarmacológico de conexões dos córtices retroesplênio e occipital e suas conexões com vias opioidérgicas e serotoninérgicas no núcleo pretectal anterior em ratos

Processo: 06/59773-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Geral
Pesquisador responsável:Wiliam Alves Do Prado
Beneficiário:Gláucia de Melo Reis
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil

Resumo

Algumas áreas corticais obtiveram ênfase nos estudos relacionados a nocicepção. A estimulação elétrica do córtex cingulato anterior com corrente de alta intensidade produz hipernocicepção. A lesão de o córtex insular rostral agranular produz analgesia. Efeito antinociceptivo foi obtido durante a estimulação elétrica do córtex ventrolateral orbital. Em.todos os casos, a antinociepção não ultrapassa o período de estimulação. A estimulação elétrica do córtex retroesplênio ou do occipital produz efeito antinocieptivo no teste de retirada de cauda em ratos, que ultrapassa em até 5 (cinco) minutos, o período de estimulação Técnica de transporte axonal retrógrado, demonstrou aferências dos córtices retroesplênio e occipital para o núcleo pretectal anterior. Em nosso laboratório demonstramos que o efeito antinociceptivo induzido pela estimulação destas áreas é, em parte, dependente da integridade do NPA: o bloqueio do NPA reduz a duração mas não altera a intensidade do efeito obtido pela estimulação elétrica do córtex occipital (via receptores serotoninérgicos) e reduz a duração e a intensidade do efeito obtido pela estimulação elétrica do córtex retroesplênio (via receptores opióides). Estes resultados nos levaram a sugerir a participação de outras estruturas encefálicas além do NPA na modulação de estímulos nociptivos oriundos destas áreas corticais. O objetivo do presente estudo é, pois, investigar as bases neurais e farmacológicas de processos antinociceptivos eliciados por estimulação elétrica dos córtices occipital e retroesplênio (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.