Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito protetor e antiapoptotico da carnitina sobre o epitelio seminifero de ratos albinos tratados, na fase pre-pubere, com etoposide.

Processo: 06/52747-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2006
Vigência (Término): 30 de abril de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia
Pesquisador responsável:Sandra Maria Miraglia Valdeolivas
Beneficiário:Fatima Kazue Okada
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ratos   L-carnitina   Apoptose   Espermatogênese

Resumo

A carnitina é um aminoácido presente em secreções epididimárias importantes para a função espermatogênica. Com base nisto tem sido usada para o tratamento de infertilidade devido ao seu papel bem estabelecido na maturação dos espermatozóides que se encontram no epidídimo. Em adição, seu efeito antiapoptótico em vários tecidos tem sido considerado. Em relação à ação da carnitina sobre o epitélio seminífero, existem ainda poucas informações no que diz respeito a seu efeito citoprotetor. O objetivo desta pesquisa é investigar a propriedade antiapoptótica da carnitina no que se refere ao uso de droga quimioterápica, o etoposide, que apresenta efeito indutor de apoptose sobre células da linhagem germinativa. O etoposide é um antineoplásico bastante utilizado no combate ao câncer adulto e infantil; causa alterações significativas do epitélio seminífero podendo provocar infertilidade temporária ou permanente, além de apresentar atividade mutagênica. Serão utilizados 120 ratos com 25 dias de idade, os quais receberão dose total de 40 mg de etoposide e serão previamente tratados ou não com carnitina. Assim este estudo tem, por objetivo, conferir a possível ação antiapoptótica bem como a citoproteção conferida pela carnitina contra os efeitos deletérios do etoposide sobre o epitélio seminífero. (AU)