Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação de genes diferencialmente expressos em linhagem da praga da pecuária Cochliomyia hominivorax (Diptera: Calliphoridae) resistente a inseticida organofosforado

Processo: 06/60693-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2007
Vigência (Término): 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Ana Maria Lima de Azeredo-Espin
Beneficiário:Renato Assis de Carvalho
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Cochliomyia hominivorax   Miíase   Inseticidas organofosforados   Resistência a inseticidas

Resumo

A Cochliomyia hominivorax (Coquerel), conhecida no Brasil como a mosca da bicheira, destaca-se como uma das mais importantes moscas causadoras de miíases, cujos prejuízos à pecuária vêm - através da redução da qualidade do couro e da produção de leite, e na perda de peso e fertilidade. No Brasil, o seu controle tem sido realizado principalmente através da aplicação de inseticidas organofosforados (OP). Porém, o uso indevido eu prolongado desses agentes químicos pode provocar seleção de indivíduos resistentes. A resistência envolve predominantemente a alteração da sensibilidade do sítio alvo para que não seja susceptível à inibição do inseticida, ou a desintoxicação metabólica do inseticida. Este último é causado principalmente por mudanças qualitativas e quantitativas em três grupos de enzimas: carboxilesterases, glutationa S-transferases e monooxigenases P450. Sendo assim, esse projeto tem como objetivo identificar, através da construção de uma biblioteca subtrativa, os genes codificadores destas enzimas que são diferencialmente expressos entre linhagens de C. hominivorax resistente e suscetível a um inseticida OP, além de possibilitar a identificação de novos genes relacionados com o processo de desintoxicação. Será realizada também a análise da expressão por PCR quantitativo da carboxilesterase E3, já caracterizada nesta espécie e de alguns dos genes diferencialmente expressos. Essa análise será de grande importância para o estudo e manejo da resistência à principal classe de inseticidas utilizada para o controle dessa praga no Brasil. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARVALHO, RENATO A.; AZEREDO-ESPIN, ANA MARIA L.; TORRES, TATIANA T. Deep sequencing of New World screw-worm transcripts to discover genes involved in insecticide resistance. BMC Genomics, v. 11, DEC 8 2010. Citações Web of Science: 20.
DE CARVALHO, RENATO ASSIS; GOMEZ LIMIA, CINTIA ELIZABETH; BASS, CHRIS; LIMA DE AZEREDO-ESPIN, ANA MARIA. Changes in the frequency of the G137D and W251S mutations in the carboxylesterase E3 gene of Cochliomyia hominivorax (Diptera: Calliphoridae) populations from Uruguay. Veterinary Parasitology, v. 170, n. 3-4, p. 297-301, JUN 24 2010. Citações Web of Science: 3.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CARVALHO, Renato Assis de. Bases moleculares da resistência a inseticidas organofosforados na mosca praga da pecuaria Cochliomyia hominivorax (Diptera: Calliphoridae). 2010. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Biologia.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.