Busca avançada
Ano de início
Entree

Energia escura, diâmetro angular e a distância Zkdr (Zeldovich, Kantowski - Dyer - Roeder)

Processo: 06/05298-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2007
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia
Pesquisador responsável:Jose Ademir Sales de Lima
Beneficiário:Vinicius Consolini Busti
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cosmologia (astronomia)   Escalas de distâncias   Energia escura

Resumo

O objetivo deste projeto é o estudo de distâncias em cosmologia, com especial ênfase na distância de diâmetro angular em sua versão homogênea e também, na sua versão não-homogênea, conhecida por distância de Zeldovich-Kantowski-Dyer-Roeder(ZKDR). Em geral, ambos os tipos de distância exigem um tratamento numérico para a sua determinação. No caso homogêneo e isotrópico a distância é determinada por uma integral, enquanto no caso não-homogêneo, a distância de diâmetro angular é definida pela equação diferencial de Dyer-Roeder. Além do conhecimento referente ao aprendizado das técnicas de tratamento numérico, o projeto também visa proporcionar ao estudante uma compreensão de como parâmetros cosmológicos observacionais, tais como o parâmetro de Hubble,o parâmetro de densidade da matéria escura e o parâmetro da equação de estado da energia escura, podem ser estimados com base no diâmetro angular de objetos distantes. No caso não-homogêneo, a distância depende do chamado parâmetro de aglomeramento. Uma dependência do parâmetro de aglomeramento com o redshift z é naturalmente esperada, devido ao processo de formação estruturas. A consistência física dos modelos de energia escura será testada utilizando uma amostra de 145 medidas de diâmetros angulares de fontes de rádio compactas em redshifts altos e intermediários. O método estatístico Qui2 será aplicado a esses dados para restringir os possíveis espaços bidimensionais associados aos parâmetros de interesse cosmológico e das possíveis dependências funcionais do parâmetro de aglomeramento. (AU)