Busca avançada
Ano de início
Entree

Clonagem e expressão da glucocerebrosidase humana em células de ovário de hamster chinês (DHO)

Processo: 07/50937-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de abril de 2007
Vigência (Término): 31 de março de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Paulo Lee Ho
Beneficiário:Juliana Branco Novo
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Doença de Gaucher   Lisossomos

Resumo

A glucocerebrosidase (GCR) é uma enzima glicoprotéica associada à membrana lisossomal que degrada o glicolipídeo glucocerebrosídeo. Quando sua atividade é deficiente, resulta na desordem de armazenagem lisossomal mais comum, conhecida como doença de Gaucher. A doença caracteriza-se por manifestações viscerais, ósseas e hematológicas devido ao acúmulo de glucocerebrosídeos nos macrófagos. Atualmente, os doentes de Gaucher podem ser tratados com a enzima recombinante, através de terapia de reposição enzimática (TRE), e reverter grande parte dos sinais clínicos e sintomas. Porém, o elevado custo do medicamento disponível no mercado dificulta o acesso ao tratamento. No Brasil, o tratamento é garantido por lei a todos os pacientes (aproximadamente 400) e o Ministério da Saúde gasta cerca de 20 milhões de dólares ao ano com a compra do medicamento, o que é desproporcional frente ao tratamento de outras doenças também prioritárias. No entanto, este custo poderia ser consideravelmente reduzido se a enzima pudesse ser produzida pelo Instituto Butantã, que já dispõe da tecnologia de produção de proteínas recombinantes em células animais. Assim, este projeto propõe a clonagem e a expressão GCR humana em células de ovário de hamsters chinês (CHO) com o objetivo de estabelecer a obtenção de clones produtores recombinantes, além de um processo de purificação da enzima, de modo a viabilizar, futuramente, o escalonamento da sua produção no Instituto Butantã. (AU)