Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da atividade anti-Leishmania de compostos de invertebrados marinhos brasileiros

Processo: 06/05241-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2007
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia
Pesquisador responsável:André Gustavo Tempone Cardoso
Beneficiário:Juliana Quero Reimão Dalla Zanna
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Invertebrados marinhos   Cnidários   Leishmaniose

Resumo

Doenças parasitárias causadas por protozoários afetam grandes populações marginais ao processo econômico globalizado, e desta forma, não são vistas como mercados potenciais. A Leishmaniose Visceral caracteriza-se por uma doença progressiva e fatal, sendo endêmica em 88 países e atualmente incluída dentre as seis endemias mais importantes segundo a OMS. O tratamento dá-se pela administração de medicamentos com elevada toxicidade como os antimoniais pentavalentes, anfotericina B e pentamidina, demonstrando um restrito arsenal terapêutico, muitas vezes superado por relatos de resistência. O presente projeto visa a avaliação do potencial farmacológico de novos compostos de origem natural de invertebrados marinhos da costa brasileira em Leishmania (L.) chagasi. Até o presente momento, nosso grupo encontrou um extrato inédito do Filo Cnidaria bastante promissor, o qual será também estudado neste projeto. Através de diferentes técnicas cromatográficas e ensaios biomonitorados, isolar-se-á o composto mais efetivo contra formas promastigotas e amastigotas intracelulares do parasita e avaliar-se-á sua citotoxicidade em diferentes células de mamíferos, determinando-se os Índices de Seletividade.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
REIMAO, JULIANA QUERO; MIGOTTO, ALVARO ESTEVES; KOSSUGA, MIRIAM H.; BERLINCK, ROBERTO G. S.; TEMPONE, ANDRE GUSTAVO. Antiprotozoan activity of Brazilian marine cnidarian extracts and of a modified steroid from the octocoral Carijoa riisei. Parasitology Research, v. 103, n. 6, p. 1445-1450, NOV 2008. Citações Web of Science: 26.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.