Busca avançada
Ano de início
Entree

Sao paulo, habitacao e conflitos em torno da apropriacao do espaco urbano: as ocupacoes de imoveis vazios na area central da cidade entre 1997 e 2007.

Processo: 07/52414-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2007
Vigência (Término): 30 de setembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia
Pesquisador responsável:Maria Celia Pinheiro Machado Paoli
Beneficiário:Roberta dos Reis Neuhold
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cidades   Cidadania   Política habitacional   Movimentos sociais

Resumo

Essa investigação tem como objetivo analisar experiências recentes de mobilização popular na realidade urbana paulistana, a partir de estudos centrados tanto nas possibilidades de construção democrática por meio dos movimentos sociais, quanto na gradativa desativação da política e no desmanche dos direitos e da cidadania efetuados pelo avanço neoliberal. A hipótese geral que norteia a presente pesquisa é a de que os movimentos sociais não esgotaram sua capacidade de mobilização e de ampliação da sua presença em canais institucionais de participação política; por outro lado, não se mantiveram imunes (1) aos limites impostos a um projeto de construção democrática pelo uso da violência institucional pelo Estado e pela deslegitimação as ações populares organizadas, e (2) à invasão de uma racionalidade técnica e administrativa e das negociações pragmáticas com o Estado em detrimento, muitas vezes, da capacidade política e social de mobilização das suas bases e da construção de uma existência pública autônoma. O desafio de analisar as continuidades e mudanças das mobilizações populares implica em um esforço de pesquisa empírica que será realizado por meio do estudo das ações de movimentos de sem-teto que reivindicam moradia digna na área central da cidade de São Paulo e da sua principal estratégia de luta durante a década de 1990: as ocupações de imóveis vazios. A pesquisa empírica, de natureza qualitativa, terá como foco os depoimentos de lideranças dos movimentos de sem-teto da área central, de técnicos de assessorias e organizações não governamentais e do poder público, assim como uma etnografia das negociações públicas engendradas por esses movimentos. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
NEUHOLD, Roberta dos Reis. Os movimentos de moradia e sem-teto e as ocupações de imóveis ociosos: a luta por políticas públicas habitacionais na área central da cidade de São Paulo. 2009. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.