Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel de trepadeiras na diversidade e na estabilidade de comunidades vegetais

Processo: 07/01649-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Fernando Roberto Martins
Beneficiário:Julia Caram Sfair
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Assunto(s):Manejo florestal   Cerrado   Mata Atlântica

Resumo

O presente estudo propõe investigar os efeitos de trepadeiras na diversidade e na estabilidade de comunidades vegetais. Embora se saiba que trepadeiras mantêm a diversidade de árvores na comunidade, seu efeito na abundância de espécies de árvores ainda não é compreendido. Com base em dados da literatura, será possível relacionar abundância de trepadeiras com modelos de abundância de árvores. Trepadeiras também podem afetar a maneira como árvores interagem, uma investigação que pode ser abordada através da análise da rede de interações entre árvores e trepadeiras. Essa rede de interação, construída a partir de metadados sobre interação entre trepadeiras e árvores, será estudada no contexto de redes complexas, ou seja, pontos (árvores e trepadeiras) que se conectam (interação). Uma vez montado esse modelo de redes, perturbações poderão ser simuladas através da retirada de indivíduos, especialmente trepadeiras. Dessa maneira, será possível compreender o efeito dessa retirada na estabilidade de comunidades, ou seja, na perda de indivíduos. Também será possível compreender como trepadeiras se espalham na comunidade vegetal, através de modelos epidemiológicos. Tais trabalhos serão muito úteis em programas de manejo que visem ao controle de trepadeiras.