Busca avançada
Ano de início
Entree

A sexualização da raça em Bom-Crioulo (1895) de Adolfo Caminha: a emergência do dispositivo de sexualidade no Brasil

Processo: 07/52698-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2007
Vigência (Término): 30 de abril de 2009
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Richard Miskolci Escudeiro
Beneficiário:Oswaldo Alves Lara Neto
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Literatura   Degeneração   Teoria queer   Sexualidade   Identidade sexual   Identidade étnica

Resumo

A partir do romance Bom-Crioulo (1895) de Adolfo Caminha, apresentamos uma proposta de investigação do processo social de sexualização da "raça" que se tornou matéria das produções literárias em fins do século XIX. Tal análise nos permitirá compreender sociologicamente a emergência do dispositivo de sexualidade no contexto brasileiro e a forma particular como este inter-relacionou as identidades sexuais e raciais. Uma obra como Bom-Crioulo irá fornecer um meio útil para reconstituir a formação das novas identidades divididas entre aceitáveis e desviantes. Sobretudo, é a partir da análise das idéias "científicas" e a forma como elas marcavam as reflexões de nossos pensadores e literatos sobre a nação brasileira que poderemos compreender como se engendraram suas categorias formadoras de raça e sexualidade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)