Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicacao de reatores anaerobios para remocao de sulfato de aguas de drenagem acida de minas.

Processo: 06/06122-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2007
Vigência (Término): 30 de abril de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Saneamento Ambiental
Pesquisador responsável:Marcelo Zaiat
Beneficiário:Renata Piacentini Rodriguez
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Biorremediação   Reatores biológicos   Drenagem ácida de minas   Reatores   Tratamento biológico anaeróbio   Tratamento anaeróbio

Resumo

As águas residuárias ricas em sulfato da indústria de mineração constituem-se como a principal fonte de poluição causada pelo enxofre. A exposição dos minérios das pilhas de rejeito ou estéreis ao oxigênio e à água provoca a oxidação dos compostos ricos em sulfetos e resulta na formação de ácido sulfúrico e na solubilização de metais. O baixo, pH aliado à elevada concentração de metais, pode comprometer os corpos d’água receptores e alterar a vida aquática desses ambientes. Dentre os tratamentos disponíveis para as drenagens ácidas de minas, aqueles que envolvem microorganismos têm apresentado inúmeras vantagens frente aos tratamentos físico-químicos. Os tratamentos biológicos resultam em boa remoção de metais do efluente, além da geração de certa alcalinidade em efluente mais ácidos. Aliado a isso, pode-se citar ainda, uma outra vantagem que seria a recuperação do enxofre elementar ao final do tratamento. Os reatores anaeróbios têm apresentado resultados importantes nos processos de remoção de sulfato. Utilizando-se biomassa contendo bactérias redutoras de sulfato, boas eficiências de remoção podem ser obtidas. Com o objetivo de avaliar os processos de remoção de sulfato, o presente projeto pretende operar dois reatores anaeróbios com biomassa contendo bactérias redutoras de sulfato. Um reator com biomassa na forma de grânulos (reator do tipo UASB) e um reator com biomassa imobilizada (reator do tipo RAHLF). Dessa forma, as melhores condições operacionais (tipo de reator, tipo de inóculo, concentração de sulfato) para tratamento da água residuária em estudo poderão ser definidas. E, para completar o ciclo do enxofre, estudos adicionais serão conduzidos com o objetivo de recuperar o enxofre elementar.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RODRIGUEZ, R. P.; VICH, D. V.; GARCIA, M. L.; VARESCHE, M. B. A.; ZAIAT, M. Application of horizontal-flow anaerobic immobilized biomass reactor for bioremediation of acid mine drainage. JOURNAL OF WATER AND HEALTH, v. 14, n. 3, p. 399-410, JUN 2016. Citações Web of Science: 5.
RODRIGUEZ, R. P.; OLIVEIRA, G. H. D.; RAIMUNDI, I. M.; ZAIAT, M. Assessment of a UASB reactor for the removal of sulfate from acid mine water. INTERNATIONAL BIODETERIORATION & BIODEGRADATION, v. 74, p. 48-53, 2012. Citações Web of Science: 19.
RODRIGUEZ, RENATA P.; ZAIAT, MARCELO. Influence of carbon source and inoculum type on anaerobic biomass adhesion on polyurethane foam in reactors fed with acid mine drainage. Bioresource Technology, v. 102, n. 8, p. 5060-5065, APR 2011. Citações Web of Science: 7.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
RODRIGUEZ, Renata Piacentini. Aplicação de reatores anaeróbios para remoção de sulfato de águas de drenagem ácida de minas. 2010. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.