Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade, composição florística e biologia reprodutiva da comunidade de plantas esfingófilas de Floresta Ombrófila Densa Montana - Mata Atlântica, no sudoeste brasileiro

Processo: 07/58666-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marlies Sazima
Beneficiário:Felipe Wanderley de Amorim
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:03/12595-7 - Composição florística, estrutura e funcionamento da Floresta Ombrófila Densa dos Núcleos Picinguaba e Santa Virgínia do Parque Estadual da Serra do Mar, estado de São Paulo, Brasil, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Polinização   Biologia reprodutiva   Mata Atlântica

Resumo

A conservação e estruturação das comunidades vegetais estão diretamente relacionadas com os sistemas de polinização de suas espécies. A polinização por mariposas, apesar de aparentemente pouco freqüente, tem se revelado de grande importância nas regiões tropicais. Porém este sistema de polinização ainda é um dos menos estudados nos trópicos. Este projeto tem como objetivo estudar a polinização de plantas por mariposas da família Sphingidae em área de Floresta Ombrófila Densa Montana no Núcleo Santa Virgínia, Parque Estadual da Serra do Mar - Mata Atlântica, no sudeste brasileiro. Os objetivos específicos são: 1) determinar a fonologia e a composição de espécies de plantas esfingófilas e de esfingideos; 2) estudar a biologia floral e o sistema reprodutivo de espécies chave (espécies mais abundantes e especializadas) da comunidade de plantas esfingófilas; 3) examinar a carga polínica aderida ao aparelho bucal e ao corpo dos esfingideos, de forma a determinar as espécies vegetais efetivamente visitadas pelas mariposas; 4) determinar as relações faunísticas dos esfingideos ocorrentes na área de estudo com faunas de outras áreas de Mata Atlântica, assim como, de outros biomas brasileiros e da América Neotropical; 5) elaboraram catálogo sistemático de esfingideos e principais plantas esfingófilas da Mata Atlântica e áreas adjacentes. Os esfingideos são um dos grupos mais conhecidos, melhor inventariados e estudados em boa parte do planeta, porém no Brasil pouquíssimo se sabe sobre sua biologia, distribuição e relação com plantas esfingófilas. Este estudo possibilitará a ampliação dos conhecimentos sobre as relações entre comunidades de plantas esfingófilas e de esfingideos na região Neotropical. O estudo deste grupo funcional também provera informações para o melhor entendimento sobre a organização, estruturação e funcionamento de algumas comunidades vegetais que compõem a Mata Atlântica. Um catálogo sistemático sobre esfingideos e plantas esfingófilas, será uma ferramenta importante que fornecerá informações valiosas para estudos futuros, além de preencher uma lacuna na literatura acerca deste toma. (AU)

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NUNES, CARLOS E. P.; BRIET, JOSEILDO; GALETTO, LEONARDO; SAZIMA, MARLIES; AMORIM, FELIPE W. Nectar ecology of the endemic epiphytic hummingbird-pollinated bromeliad Vriesea altodaserrae: secretion dynamics and pollinator visitation pattern. Acta Botanica Brasilica, v. 32, n. 3, p. 479-486, JUL-SEP 2018. Citações Web of Science: 0.
SAZATORNIL, FEDERICO D.; MORE, MARCELA; BENITEZ-VIEYRA, SANTIAGO; COCUCCI, ANDREA A.; KITCHING, IAN J.; SCHLUMPBERGER, BORIS O.; OLIVEIRA, PAULO E.; SAZIMA, MARLIES; AMORIM, FELIPE W. Beyond neutral and forbidden links: morphological matches and the assembly of mutualistic hawkmoth-plant networks. Journal of Animal Ecology, v. 85, n. 6, p. 1586-1594, NOV 2016. Citações Web of Science: 19.
NUNES, C. E. P.; AMORIM, F. W.; MAYER, J. L. S.; SAZIMA, M. Pollination ecology of two species of Elleanthus (Orchidaceae): novel mechanisms and underlying adaptations to hummingbird pollination. Plant Biology, v. 18, n. 1, SI, p. 15-25, JAN 2016. Citações Web of Science: 5.
AMORIM, FELIPE W.; WYATT, GRAHAM E.; SAZIMA, MARLIES. Low abundance of long-tongued pollinators leads to pollen limitation in four specialized hawkmoth-pollinated plants in the Atlantic Rain forest, Brazil. Naturwissenschaften, v. 101, n. 11, p. 893-905, NOV 2014. Citações Web of Science: 15.
AMORIM, F. W.; GALETTO, L.; SAZIMA, M. Beyond the pollination syndrome: nectar ecology and the role of diurnal and nocturnal pollinators in the reproductive success of Inga sessilis (Fabaceae). Plant Biology, v. 15, n. 2, p. 317-327, MAR 2013. Citações Web of Science: 31.
MORE, MARCELA; AMORIM, FELIPE W.; BENITEZ-VIEYRA, SANTIAGO; MARTIN MEDINA, A.; SAZIMA, MARLIES; COCUCCI, ANDREA A. Armament Imbalances: Match and Mismatch in Plant-Pollinator Traits of Highly Specialized Long-Spurred Orchids. PLoS One, v. 7, n. 7 JUL 25 2012. Citações Web of Science: 21.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.