Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese de pró-fármacos dendriméricos potencialmente antichagásicos e leishmanicidas: derivados de hidroximetilnitrofural, 3-hidroxiflavona e quercetina

Processo: 07/59416-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2008
Vigência (Término): 31 de maio de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Pesquisador responsável:Elizabeth Igne Ferreira
Beneficiário:Jeanine Giarolla Vargas
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:01/01192-3 - Antichagásicos potenciais derivados de compostos nitro-heterocíclicos, AP.TEM
Assunto(s):Pró-fármacos   Latenciação de fármacos   Dendrímeros   Flavonoides   Hidroximetilnitrofural   Tripanossomicidas   Doença de Chagas   Leishmaniose

Resumo

A leishmaniose e a doença de Chagas afetam fundamentalmente a população de países pobres e em desenvolvimento. A estimativa de infecção humana por T. cruzi é de 16-18 milhões de casos e ocorre desde o sul dos Estados Unidos até a Argentina. Aproximadamente 20 milhões de pessoas correm o risco de contrair esta infecção. Já a leishmaniose é endêmica em 88 países da América Latina, África, Ásia e sul da Europa. Aproximadamente 350 milhões de pessoas correm o risco de contrair a infecção com prevalência mundial de 12 milhões de ocorrências. Apesar de serem doenças que afetam parcela significativa de pessoas, ainda há a necessidade de desenvolvimento de novos fármacos para a terapêutica, uma vez que os poucos disponíveis muitas vezes apresentam toxicidade elevada e eficácia discutível. Frente a este fato, este projeto tem como objetivo o planejamento de novos quimioterápicos para estas endemias tropicais. Trabalhos anteriormente desenvolvidos pelo grupo mostram que o derivado hidroximetilado do nitrofural apresentou características promissoras, como maior atividade in vitro nas formas triposmatigotas e amastigotas em relação ao benznidazol e menor toxicidade que o nitrofural. Os flavonóides têm sido, também, amplamente estudados como potências agente antiparasitários. Uma abordagem interessante no desenvolvimento de novos fármacos é a utilização da latenciação e de nanocompostos dendriméricos. Por meio destas metodologias de introdução de novos fármacos, o objetivo deste projeto é sintetizar pró-fármacos dendriméricos formados com inositol, como foco central, e dendrons contendo ácido L(-)-málico e hidroximetilnitrofural, 3-hidroxiflavona e quercetina. Almeja-se alcançar a liberação prolongada, diminuição da toxicidade, aumento da eficácia e melhoria das características físico-química dos flavonóides. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANTOS, SORAYA DA SILVA; GIAROLLA, JEANINE; PASQUALOTO, KERLY F. M.; FERREIRA, ELIZABETH I. Molecular modelling as a tool for studying the disassembly of potentially leishmanicide-targeted dendrimer. MOLECULAR SIMULATION, v. 39, n. 11, p. 860-867, SEP 1 2013. Citações Web of Science: 3.
GIAROLLA, JEANINE; PASQUALOTO, KERLY F. M.; RANDO, DANIELA G.; ZAIM, MARCIO H.; FERREIRA, ELIZABETH I. Molecular modeling study on the disassembly of dendrimers designed as potential antichagasic and antileishmanial prodrugs. Journal of Molecular Modeling, v. 18, n. 5, p. 2257-2269, MAY 2012. Citações Web of Science: 7.
GIAROLLA, JEANINE; RANDO, DANIELA G.; PASQUALOTO, KERLY F. M.; ZAIM, MARCIO H.; FERREIRA, ELIZABETH I. Molecular modeling as a promising tool to study dendrimer prodrugs delivery. JOURNAL OF MOLECULAR STRUCTURE-THEOCHEM, v. 939, n. 1-3, p. 133-138, JAN 15 2010. Citações Web of Science: 10.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.