Busca avançada
Ano de início
Entree

Rememoracao e renembranca: a revisao de perspectivas historicas em beloved (1987), de toni morrison, e desmundo (1996), de ana miranda.

Processo: 08/51216-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2008
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literatura Comparada
Pesquisador responsável:Giséle Manganelli Fernandes
Beneficiário:Marcela de Araujo Pinto
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Pós-modernismo   Literatura e história   Literatura brasileira   Literatura norte-americana

Resumo

Esta pesquisa realizará um estudo comparativo entre os romances Beloved (1987), da autora norte-americana Toni Morrison, e Desmundo (1996), da autora brasileira Ana Miranda, como textos pós-modernos que elaboram representações para problematizar de forma consciente a constituição lingüística da Literatura e da História. Ambos apresentam visões alternativas para momentos históricos de confrontos que deram origem às sociedades norte-americana e brasileira, a partir de relações humanas de violência e de dominação. Toni Morrison, no romance Beloved, parte de um fato real, ocorrido em 1851, para reconceitualizar a história dos negros nos Estados Unidos. O crime retratado foi cometido por uma escrava foragida, Margaret Garner, que matou uma de suas crianças ao perceber a aproximação dos caçadores de escravos que iriam aprisioná-las novamente. Em Desmundo, Ana Miranda também parte de um fato real, registrado em correspondências portuguesas coloniais do século XVI, requisitando ao rei D. João o envio de órfãs para a colônia como noivas dos colonos, visando acabar com os hábitos não-cristãos destes de se relacionar com as índias. Segundo Linda Hutcheon (1989/1993), a literatura pós-moderna aproveita-se de sua condição artística de representação para contestar, de dentro do próprio discurso ficcional, a sua relação de semelhança com discursos que não seriam apresentados como ficção, que seriam aceitos como o 'real', como o discurso histórico. Ao marcar esses pontos de convergência, a ficção pós-moderna questiona a autoridade dos parâmetros estabelecidos para distinção de conceitos de imaginário/real, mentira/verdade, ficção/História. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PINTO, Marcela de Araujo. Rememoração e renembrança : a revisão de perspectivas históricas em Beloved (1987), de Toni Morrison, e Desmundo (1996), de Ana Miranda. 2010. 209 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista. Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas. São José do Rio Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.