Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito do extrato aquoso e da fração fenólica livre do alecrim (Rosmarinus officinalis l.) sobre o estado antioxidante e o perfil lipídico em ratos com hipercolesterolemia induzida pela dieta

Processo: 08/51333-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2008
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Jorge Mancini Filho
Beneficiário:Milessa da Silva Afonso
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Oxidação lipídica   Hipercolesterolemia   Biologia de sistemas

Resumo

Nas últimas décadas as doenças cardiovasculares (DCV) passaram a ser a principal causa de morbimortalidade nos países desenvolvidos e em segmentos cada vez mais crescentes nos países em desenvolvimento. As dietas ricas em colesterol são consideradas como um importante fator de desenvolvimento destas patologias, já que a hiperlipidemia associada ao estresse oxidativo é um dos pivôs para tais condições. Neste contexto, alimentos naturais e antioxidantes derivados de alimentos como vitaminas e fitoquímicos fenólicos têm recebido, recentemente, crescente atenção devido sua função quimiopreventiva contra danos oxidativos. O alecrim (Rosmannus officinalis L) é um membro da família Labiatae, cujas propriedades antioxidantes têm sido atribuídas a uma variedade de compostos fenólicos capazes de finalizar as reações de radicais livres e varrer as espécies reativas de oxigênio. Embora foram identificadas as ações antioxidantes de compostos fenólicos de origem vegetal, suas atividades em sistemas biológicos ainda não são darás. Estudos relatam que o alecrim pode ser um componente importante na terapia antiglicativa, auxiliando na prevenção e no tratamento de doenças crônico-degenerativas. Tal fato reforça a necessidade de novas pesquisas para elucidar sua contribuição antioxidante in vivo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
AFONSO, MILESSA S.; SILVA, ANA MARA DE O.; CARVALHO, ELIANE B. T.; RIVELLI, DIOGO P.; BARROS, SILVIA B. M.; ROGERO, MARCELO M.; LOTTENBERG, ANA MARIA; TORRES, ROSANGELA P.; MANCINI-FILHO, JORGE. Phenolic compounds from Rosemary (Rosmarinus officinalis L.) attenuate oxidative stress and reduce blood cholesterol concentrations in diet-induced hypercholesterolemic rats. NUTRITION & METABOLISM, v. 10, FEB 2 2013. Citações Web of Science: 44.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.